Autoridade fiscal do Reino Unido solicita dados de usuários de exchanges cripto

A autoridade de aduana, pagamentos e impostos do Reino Unido, Her Majesty’s Revenue & Customs (HMRC), emitiu um pedido para as exchanges de moedas digitais, para que informem sobre nomes e transações de clientes com objetivo de identificar casos de evasão fiscal.

Exchanges cripto na mira

De acordo com o portal de notícias fintech Coindesk, fontes da indústria disseram que a agência enviou cartas a pelo menos três exchanges no Reino Unido, incluindo Coinbase, eToro e CEX.io, solicitando que forneçam listas de usuários e dados de transação.

A HMRC tem o objetivo de cooperar com as exchanges para identificar indivíduos que fogem dos impostos. Segundo as fontes citadas, a agência provavelmente buscará dados de dois ou três anos atrás:

“Se eles [HMRC] só retroagirem dois ou três anos, acho que o interessante aqui é que os indivíduos que aderiram às criptos muito cedo, em 2012-13, não serão afetados. Aqueles que provavelmente obtiveram os maiores ganhos não serão afetados, serão as pessoas que entraram no momento em que a criptografia atingiu seu pico. ”

O HMRC confirmou que as solicitações estão dentro do escopo de sua competência, destacando:

“Essas exchanges detém informações sobre seus clientes e as transações concluídas. Essas transações podem resultar em possíveis cobranças de impostos e a HMRC tem o poder de emitir avisos que exigem que as exchanges forneçam essas informações ”.

Em dezembro passado, a HMRC publicou sua primeira legislação tributária detalhada para proprietários privados de criptomoedas, depois de um longo período de consulta. Especificamente, ela exige que os indivíduos paguem Imposto sobre Ganhos de Capital ou Imposto de Renda, dependendo do tipo de transação de criptomoeda em que estejam envolvidos.

Tema de importância internacional

O movimento da HMRC segue os passos do Internal Revenue Service dos Estados Unidos, que enviou cartas a 10.000 cripto investidores, pedindo a alguns para alterar seus registros fiscais, enquanto obrigou outros a pagar impostos e / ou juros e multas. O IRS afirma que as cartas devem ser entregues até o final de agosto.

O Cointelegraph noticiou em 1 de agosto que os cidadãos brazileiros agora são obrigados a informar sobre suas transações cripto junto à Receita Federal. A medida se aplica a indivíduos, empresas e corretoras, e inclui todos os tipos de atividades relacionadas à criptografia, incluindo compra e venda, bem como doações, permutas, depósitos e retiradas, etc.