Regulador do Reino Unido lança alerta contra empresa que se diz autorizada pela FCA

A reguladora financeira britânica, Financial Conduct Authority (FCA), emitiu um aviso contra a empresa ilegal relacionada às cripto Next Coin Market, de acordo com uma nota oficial divulgada em 6 de março.

De acordo com a FCA, a empresa baseada na Bulgária Next Coin declarava falsamente que tinha autorização da autoridade financeira do Reino Unido para oferecer serviços relacionados a criptomoedas a residentes britânicos.

A FCA ainda disse que a Next Coin estava enviando aos usuários um link para um website falso, dando a impressão de que a empresa era oficialmente autorizada pela FCA. Porém, a Next Coin não está registrada junto à entidade, segundo a FCA, que diz que a empresa está envolvida em atividades criminosas.

A reguladora financeira pediu ao público para denunciar casos associados com falsas declarações de autorização da FCA. No caso de dinheiro ter sido transferido, a autoridade recomenda ao público denunciar suas preocupações para o centro nacional de denúncias por fraude e crimes cibernéticos do Reino Unido, o Action Fraud.

A FCA também ressalta que qualquer um que lide com uma empresa desautorizada não é protegido pelo Financial Services Compensation Scheme, e portanto não pode reclamar ao Financial Ombudsman Service, o órgão dedicado do Parlamento Britânico para resolução de casos envolvendo problemas financeiros.

Recentemente, o banco cripto suíço Dukascopy alertou consumidores contra a empresa de negociação forex GCG Asia, que de forma fraudulenta disse representar uma empresa autorizada do banco.

No começo de fevereiro, o FCA declarou que as perdas em fraudes de investimentos comuns — incluindo relacionadas a criptomoedas — somavam mais de US$ 255 milhões em 2018.