Prefeitura de Barrinha (SP) restabelece controle de parte dos sistemas depois de invasão de hackers pedindo BTC

Depois de quase um mês, a prefeitura de Barrinha, no interior de São Paulo, conseguiu restabelecer parte dos serviços afetados por uma invasão de hackers pedindo Bitcoin de resgate, no fim de outubro. A notícia é do portal G1.

Segundo a matéria, o sistema de emissão de nota fiscal eletrônica da prefeitura voltou a funcionar na quarta-feira, 20 de novembro. Com isso, o pagamento do 13o. salário dos funcionários será feito eletrônicamente, e não de forma manual como no início de novembro, como noticiou o Cointelegraph Brasil.

Além disso, a prefeitura espera restabelecer o controle de todos os demais sistemas bloqueados pelos hackers, entre eles contabilidade, tesouraria, tributação e arrecadação, hoje todos paralisados. Uma empresa especializada trabalha no desbloqueio dos sistemas.

Em 28 de outubro, os sistemas da prefeitura foram invadidos, com os autores bloqueando 20 computadores de secretarias e exigindo resgate de R$ 7.000 em BTC, que não foi pago.

O caso é investigado pelas polícias civil e federal como crime de extorsão, sem descartar a participação de hackers de fora do Brasil.

Continue lendo: