Grupo Bitcoin Banco vai suspender funcionamento de NegocieCoins e TemBTC para 'reformular exchanges'

O Grupo Bitcoin Banco (GBB) anunciou, nesta sexta-feira (30), em suas redes sociais, que suspenderá o funcionamento das exchanges Tem BTC e NegocieCoins a partir do próximo dia 1 de setembro. 

O motivo da suspensão, segundo o comunicado, é “parametrizar e reformular as exchanges, normalizar os pagamentos após revalidação dos cadastros dos clientes ativos, intensificar a segurança das operações, oferecer uma plataforma mais profissional para traders e integrar diretamente as exchanges com o Audax Bank e a Get4Bit”. 

A medida é uma tentativa de promover adequação técnica das plataformas do GBB diante do suposto ataque hacker que a empresa alega ser o motivo do bloqueio dos saques por seus clientes.As ações são resultado de auditoria feita pela Ernest & Young na empresa.

O GBB anunciou também que, durante esse período, seus escritórios em São Paulo e em Curitiba funcionarão normalmente.

As soluções exatas, que supostamente darão conta das medidas anunciadas, não foram tornadas públicas ou especificadas com maior clareza.

Procurada pela reportagem para esclarecer detalhes da mudança, o GBB não se manifestou até a publicação deste texto.

O GBB está envolvido em problemas há cerca de quatro meses, quando bloqueou o acesso dos clientes aos seus próprios fundos. Conforme reportado pelo Cointelgraph, o Jornal da Globo publicou matéria recentemente em que afirma que "o Grupo Bitcoin Banco é acusado de enganar pessoas e não tem prazo para pagar ninguém".