Ex-congressista dos EUA Ron Paul recebe seu primeiro Bitcoin

O ex-congressista republicano do Texas e candidato à presidência dos EUA Ron Paul teria recebido seu primeiro Bitcoin (BTC) do membro do conselho da Bitcoin Foundation e fundador da Ballet Crypto, startup de carteira de Bitcoin, Bobby Lee, em 28 de outubro.

Ron Paul agora possui uma carteira Bitcoin banhada a ouro

Lee anunciou publicamente o presente dado a Paul em 2 de novembro, destacando que a moeda foi carregada em uma carteira de Bitcoin banhada a ouro produzida por sua empresa Ballet Crypto. Ele acrescentou que houve um cuidado extra na personalização da carteira, para melhor se adequar ao  perfil do ex-congressista:

“Era um número de série especial AA000820 para combinar com seu aniversário! E ele ama a cor do #Ouro."

As carteiras produzidas pela empresa de Lee são carteiras físicas não eletrônicas destinadas ao armazenamento frio de criptomoedas. Seu formato é semelhante ao de um cartão de crédito e apresenta a senha da carteira em uma camada rastreável.

Liberdade do dinheiro

Paul recebeu o presente em um almoço realizado na cúpula do Litecoin (LTC) 2019, também na presença do fundador do Litecoin, Charlie Lee, que disse que os três compartilham alguns ideais:

“Somos todos #libertários — pela liberdade pessoal e liberdade do dinheiro.”

Paul - um duro crítico da Federal Reserve - é conhecido por sua defesa do ouro. Em relação ao Bitcoin, Paul observou em julho que ele é a favor das criptomoedas e da tecnologia blockchain porque apóia moedas concorrentes.

A posição de Paul também contrasta com as idéias do congressista americano Brad Sherman, que acredita que as criptomoedas - potencialmente competindo com a moeda nacional, ou seja, o dólar - devem ser proibidas. No final de outubro, ele disse:

"As criptomoedas não funcionam, é um caso em que os investidores perdem muito dinheiro, ou alcançam seus objetivos e deslocam o dólar dos EUA ou interferem no fato do dólar ser praticamente a única moeda de reserva do mundo".

Por outro lado, nem todos os representantes dos EUA compartilham a visão maximalista de Sherman. Como o Cointelegraph relatou esta semana, dois congressistas mostraram apoio no 11º aniversário do Bitcoin, observando que a tecnologia criou "infinitas possibilidades de inovação tecnológica e proteção de privacidade".