Jota Quest faz show em evento de mais uma pirâmide financeira de Bitcoin de Philip Han, a F2 Trading, antiga FX Trading

Os nomes mudaram mas o suposto golpe continua o mesmo, prometendo altos lucros, binário, bônus de 8%, rendimentos acima de 30% ao mês, viagens, carros de luxo, relógios e uma vida de hostentação e riquezas a F2 Trading realizou em 15 de setembro um mega evento no Credicar Hall que contou com a participação de mais de 2 mil pessoas.

 

Philip Han, líder da FX Trading, e agora líder da F2 Tranding, é procurado  pela Polícia Federal do Brasil por crimes praticados em diversos outros golpes financeiros envolvendo
Bitcoin criptomoedas. Além disso mesmo a FX Trading, tendo dado golpe em milhares de investidores no Brasil, isso não impediu centenas de pessoas de participarem do evento e aderirem ao esquema de investimentos da empresa.

Assim como sua antecessora, a FX Trading que recebeu alerta da Comissão de Valores Mobiliários do Brasil, CVM, a F2 Trading também já tem suas atividades sendo investigada pela CVM que ja instalaou processo para averiguar as operações.

Processo: 19957.007479/2019-52 (SP2019/490)

Andamentos Abertos

Processo aberto somente na unidade:
GOI-2 - Gerência de Orientação aos Investidores 2

Informações do Processo

Processo:19957.007479/2019-52 (SP2019/490)
Data de Autuação:01/08/2019
Tipo do Processo:Orientação: DENÚNCIA
Interessados:Gerência de Orientação aos Investidores 2
F2 TRADING CORPORATION
f2tradingcorporation.net

Philip Han, brasileiro filho de sul-coreanos, à frente do negócio, se identifica como Global Master Distributor da FX Trading Corp e que recentemente afirmou que as pessoas que não ganham US$ 50 mil por dia são fracassados. 

A suposta pirâmide financeira promete lucros de mais de 3% ao dia e bônus de 300% nos investimentos. Han, antes de lançar a FX trading. já teria participado de outros supostos esquemas, como o iFreex, Mr. Link e WCM 777.

Como noticiou o Cointelegraph, enquanto os operadores da suposta fraude estão angariando novos usuários nas redes sociais com o novo nome, antigos investidores da FX Trading reclamam que não têm acesso aos seus recursos e tampouco qualquer informação se vão ou não reaver o dinheiro investido.

'A empresa prometeu devolver o dinheiro investido e minha conta ja tem valor liberado pra saque e não consigo sacar,a conta está travada e ainda fizeram uma nova plataforma chamada F2trading,não caiam nessa é uma piramide e vai cair rápido como a outra em menos de 8 meses muitas pessoas ainda estão esperando pra poder sacar como eu", diz um dos investidores em um reclamação aberta no portal Reclame Aqui.