US Marshals emite pedido de informação para gerenciamento de ativos cripto perdidos

 

A agência de execução federal legal dos Estados Unidos, o U.S. Marshals Service (USMS), está procurando contratar um agente para gestão de criptomoedas confiscadas, de acordo com documentos públicos revelados em 5 de março.

O USMS recentemente publicou dois documentos preliminares, incluindo um Pedido por Informações (Request for Information - RFI) para procedimentos legais para gestão e alienação de criptoativos perdidos.

Como componente importante do Asset Forfeiture Program (AFP) do departamento operando em conjunto com o U.S. Department of Justice (DoJ), o USMS pretende destinar um agente ou prestador de serviço para gerir e destinar moedas virtuais confiscadas ou apreendidas. Ao iniciar o RFI, p USMS espera aprimorar suas operações de custódia atuais, mantendo uma contabilidade completa e precisa do inventário de moeda virtual do USMS.

No primeiro documento, o Performance Work Statement (PWS), o USMS descreve o panorama geral de serviços de gestão e destinação de moedas digitais perdidas, incluindo procedimentos gerais e responsabilidades do contratado.

De acordo com o documento, o contratado deve garantir a confiabilidade e segurança de todas as transações de moeda virtual, incluindo o câmbio direto de moedas digitais em Dólar Americano, o câmbio para uma forma mais líquida de moeda virtual, um retorno para o proprietário e outros.

O contrato do PWS inclui grandes atividades associadas à gestão de moedas virtuais, incluindo contabilidade, gestão de cliente, conformidade de auditoria, gestão de forks de blockchain, criação de carteiras, transformação de ativos de token em ativos em moeda e outros.

No segundo documento, o Quality Assurance Surveillance Plan (QASP), o USMS estabelece um sistema de avaliação para a performance do contratado. O QASP descreve as principais autoridades como o Diretor de Contratação e o representante do Diretor de Contratação, que são responsáveis pela mensuração da performance e avaliação efetiva da conformidade do contratado.

O USMS declarou que o recém-emitido RFI é somente para propósitos de informação e planejamento e não representam um Pedido por Proposta (Request for Proposal - RFP) ou promessa de emissão de um RFP no futuro.

No último ano, o USMS anunciou um grande leilão de aproximadamente 660 Bitcoins (BTC) confiscado, com os participantes tendo que depositar US$ 200.000 para poderem participar.