Startup cripto suíça faz 'mais alta' negociação da história do Bitcoin, a 4164m de altitude

A provedors de serviços financeiros em criptomoedas Bitcoin Suisse diz ter conduzido uma negociação de Bitcoin (BTC) na mais alta altitude de todos os tempos, em uma ação promocional que ocorreu em 13 de julho. Um vídeo do YouTube comprovando o feito foi publicado em 19 de julho.

Nova marca de negociação "mais alta" para o Bitcoin

De acordo com a divulgação da empresa, a negociação ocorreu desde o topo da cordilheira Breithorn, nos Montes Apeninos, na fronteira entre a Suíça e a Itália. Quase 70 pessoas supostamente participaram da iniciativa publicitária realizada a 4.164 metros acima do nível do mar. A conta do Twitter da Bitcoin Suisse publicou sobre a conquista:

“NOVA MARCA MAIS ALTA! Em 13 de julho, a Bitcoin Suisse conduziu a mais alta negociação de Bitcoin já registrada, desde o topo da montanha Breithorn, Suíça, 4164m acima do nível do mar. ”

“Um pouco acima do topo”

Como desdobramento, a conta do Twitter de Luffe, uma startup de criptografia, comentou sobre a ação, elogiando a iniciativa da exchange, mas também admitindo que ela pode ter sido "um pouco exagerada".

Em maio de 2018, uma ação publicitária similar, para promover uma futura oferta de moeda inicial da rede social ucraniana ASKfm, tentou escalar o Monte Everest e colocar uma carteira de hardware Ledger com os tokens da startup em sua cúpula, mas levou à morte de Lam Babu Sherpa.

Como o Cointelegraph publicou em janeiro do ano passado, o KFC Canadá também aproveitou a criptografia para promover a introdução de um novo item de menu: o Bitcoin Bucket, uma cesta com iscas de frango empanado que os clientes poderiam comprar somente com Bitcoins.

No início deste mês, a corretora cripto suíça Bitcoin Suisse aplicou para licenças bancárias e de revenda de títulos do regulador financeiro da Suíça.