Rede de churrascarias Fogo de Chão adota blockchain para rastrear carne nos EUA

A rede de churrascarias Fogo de Chão irá introduzir a tecnologia blockchain em seu menu. Ainda neste ano, os clientes nos Estados Unidos poderão rastrear a procedência da carne servida em seus pratos, segundo informações da rede de TV norte-americana CBS divulgadas no último dia 9 de abril.

O novo serviço foi criado em parceria a startup norte-americana HerdX e irá permitir aos clientes através de um QR code no menu acessar informações sobre o produtor e alimentação do animal. A plataforma irá conectar ainda pecuaristas e permitir o monitoramento do rebanho.

A solução será testada em três restaurantes em Dallas, no Texas, por um período entre seis e nove meses, para depois ser implementada em outras unidades ao redor do mundo.

A rede Fogo de Chão tem restaurantes no Brasil, Estados Unidos, Porto Rico, México e no Oriente Médio.

A aplicação da blockchain na indústria alimentar avança em todo o mundo. Recentemente, a Nestlé e o Carrefour, ambos membros da plataforma Food Trust da IBM, anunciaram que irão utilizar a blockchain para rastrear  a cadeia de suprimentos da Mousline, uma famosa marca francesa de batata triturada instantânea.

Em março, o Conselho Nacional de Carne Suína dos Estados Unidos anunciou uma parceria com a startup blockchain ripe.io para monitorar e avaliar práticas de sustentabilidade, padrões de segurança alimentar, saúde do rebanho e proteção ambiental relacionada à cadeia de suprimentos da suinocultura no país.