Seis bancos sauditas e dos EAU se unem a projeto de transação transfronteiriça por moeda digital

Seis bancos comerciais de Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos (EAU) aderiram a um projeto de moeda digital, informa o Argaam, principal portal de notícias financeiras da Arábia Saudita, em 5 de fevereiro.

Referindo-se a comentários do banco central dos Emirados Árabes Unidos (UAECB), o Agraam observa que o objetivo do projeto é usar criptomoeda para financiar transações entre a Arábia Saudita e os Emirados Árabes Unidos.

As notícias sobre o desenvolvimento de uma criptomoeda pelos dois países mencionados surgiram em dezembro de 2018, quando o UAECB e a Autoridade Monetária da Arábia Saudita (SAMA) anunciaram que os países pretendiam usar criptomoedas para transações internacionais.

A notícia de hoje ressalta que seis bancos comerciais não identificados vão se juntar ao projeto de moeda digital interbancária, batizada de Aber, com uma implementação programada para os próximos 12 meses. O artigo adiciona também:

“A emissão oficial da moeda está condicionada aos resultados do estágio 'prova de conceito'. A Autoridade Monetária da Arábia Saudita (SAMA) e o UAECB decidirão sobre a viabilidade das aplicações práticas da moeda.”

No mês passado, a Arábia Saudita e os Emirados Árabes Unidos fizeram um anúncio de que os dois países concordaram em cooperar no desenvolvimento de uma criptomoeda conjunta destinada a entender melhor o desenvolvimento da tecnologia blockchain, informou a Cointelegraph em 20 de janeiro.

Como a Cointelegraph reportou em outubro, o governo de Dubai também pretende usar uma moeda digital apoiada pelo Estado e atrelada à moeda fiduciária dos EAU, o dirham, para pagamentos de serviços públicos.