Nokia e SENAI SP firmam parceria para alavancar adoção de soluções da Indústria 4.0 no país

A Nokia, que possui um conjunto de soluções em blockchain dentro do  Nokia Sensing as a Service (aaS), anunciou hoje, 29 de outubro, durante a Futurecom uma parceria com o SENAI-SP (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial) para implementar aplicações voltadas para a indústria 4.0.

Segundo a empresa, a Indústria 4.0 oferece a oportunidade de aprimorar o trabalho das organizações usando tecnologia para digitalizar processos e capacitar os funcionários a desenvolverem novas competências e de acordo com pesquisa realizada pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP) em parceria com o SENAI-SP, 90% das empresas familiarizadas com a Indústria 4.0 concordam que ela “aumentará a produtividade” e 79% reconhecem que ela “impactará o modelo de negócio das empresas”, mas apenas 30% deram início a este processo.

A parceria permitirá ao SENAI-SP utilizar a capilaridade de suas 166 unidades no estado para trabalhar com a Nokia em atividades de pesquisa e desenvolvimento de tecnologias, treinando e preparando profissionais de todo o Brasil para a era da Indústria 4.0, em todos os segmentos que o SENAI-SP atua.

"A Nokia é um parceiro de confiança em toda a América Latina, e temos o prazer de trazer todo o potencial do ecossistema da Indústria 4.0 para o Brasil. Com a expectativa da implementação do 5G, é vital que as operadoras, empresas e setores produtivos do Brasil estejam bem posicionados para colher os benefícios da nossa arquitetura Future X, de conectividade a plataformas digitais e segurança", destacou Osvaldo Di Campli, Head da Nokia na América Latina.

Já, segundo Paulo Skaf, presidente da FIESP e do SENAI-SP essa parceria acelerará significativamente os esforços da Indústria 4.0 no Brasil.

"Aproveitando a expertise global da Nokia com o alcance do SENAI-SP no setor industrial. O anúncio de hoje reforça o compromisso do SENAI-SP com a busca de tecnologias de vanguarda no mundo, com foco em ações que aumentem a competitividade das empresas e a produtividade do trabalhador, fortalecendo nosso papel no desenvolvimento da indústria para garantir o crescimento econômico e a geração de emprego e renda”, disse.

Segundo a Nokia, o mundo de hoje depende da aquisição, transmissão e processamento oportunos de dados. Os dados estão se transformando em uma nova e valiosa fonte de receita para as operadoras, além de uma maneira eficaz de obter um gerenciamento mais eficiente de seus próprios ativos de rede.

Em breve, a Internet das Coisas verá bilhões de objetos e dispositivos enviando grandes quantidades de dados que precisam ser recuperados, interpretados e usados. As cidades também estão crescendo rapidamente, levando à necessidade de processar dados para garantir que permaneçam ambientes sustentáveis ​​para seus cidadãos.

Desta forma, segundo a empresa, oportunidades inovadoras de monetização por meio da digitalização dos ativos de rede existentes, permitiram a criação de contratos inteligentes automatizados que alavancam um back-end usando blockchain.

Como noticiou o Cointelegraph, a IBM e a empresa de blocos Chainyard lançaram uma nova rede de blockchain para o gerenciamento da cadeia de suprimentos. Os membros fundadores da rede Trust Your Supplier também incluem a cervejaria americana Anheuser-Busch InBev, as empresas de tecnologia Cisco, Lenovo, Nokia, Schneider Electric, a empresa farmacêutica britânica GlaxoSmithKline e a empresa de telecomunicações Vodafone.

Confira mais notícias