Japão: Polícia de Tóquio prende 8 homens supostamente envolvidos em esquema de pirâmide de cripto de US $ 68 milhões

A polícia de Tóquio prendeu oito homens suspeitos de coletar um total de US $ 68,4 milhões em dinheiro e criptomoeda usando um esquema de pirâmide, reportou o jornal diário japonês Asahi Shimbun quarta-feira, 14 de novembro.

Os suspeitos afirmaram administrar uma empresa de investimentos dos EUA apelidada de "Sener", conduzindo seminários com palestrantes estrangeiros. A polícia informa que pelo menos uma das reuniões foi gravada, com o upload de vídeos no YouTube. Durante os seminários, o grupo de suspeitos prometeu retornos mensais de 3 a 20% para os investimentos. Os suspeitos também pediram aos participantes que se comprometessem a convidar outros investidores para obter retornos adicionais.

Os investigadores acreditam que os suspeitos receberam dinheiro e Bitcoin (BTC) de cerca de 6.000 pessoas em 44 prefeituras, incluindo Tóquio. Um processo de grupo foi apresentado no Tribunal Distrital de Tóquio por 73 vítimas da fraude, buscando aproximadamente US $ 3,2 milhões em danos. Segundo Asahi Shimbun, seis homens já admitiram as acusações, enquanto outros dois os negam.

A polícia de Tóquio acredita que os suspeitos tentaram evitar a acusação usando cripto, já que estão em uma "zona cinzenta", de acordo com a regulação financeira japonesa. Conforme explicado pela Agência de Serviços Financeiros (FSA), as moedas digitais não são consideradas como títulos que estão sob a jurisdição da lei atual. No entanto, eles podem ser regulados dependendo da estrutura do investimento, acrescentou a FSA.

O Japão é conhecido por sua posição amigável à cripto, que permanece relativamente inalterada, apesar dos hacks maciços nas casas de câmbio locais de cripto Coincheck e Zaif em 2018.

A FSA, que emite licenças para casas de câmbio cripto para operar no país, deu o status de autorregulatório da indústria de cripto local em outubro, certificando a Associação Japonesa de Câmbio Virtual (JVCEA) para monitorar o espaço.

Além disso, um comitê de política tributária do Japão está procurando facilitar o relatório de impostos sobre criptomoedas. Em outubro, os funcionários realizaram um debate discutindo a atual estrutura legal e se oferecendo para estimular um relato mais completo dos ganhos de criptomoeda.