Itália vai liderar a parceria europeia sobre Blockchain até julho de 2020

A Itália, a Suécia e a República Tcheca compartilharão a próxima presidência de um ano da European Blockchain Partnership, informou a Cointelegraph Italia em 9 de julho.

Após uma reunião da European Blockchain Partnership hoje em Bruxelas os três países assumiram a presidência de um ano, que durará de julho de 2019 a julho de 2020.

Marco Bellezza, Assessor Jurídico do Ministro Di Maio para comunicações e inovação digital e Coordenador da delegação italiana da Blockchain Partnership da UE, afirmou:

"A presidência italiana da parceria Blockchain da UE é um primeiro reconhecimento da atividade levada a cabo nesta frente, por impulso do Ministro Luigi Di Maio, com vista a dar à Itália um papel de liderança nos projectos europeus sobre Blockchain. Esta é uma oportunidade única para continuar a promover o conhecimento e a utilização desta tecnologia em benefício dos cidadãos e das empresas, reforçando a cooperação no seio da UE. ”

A Itália juntou-se à European Blockchain Partnership em setembro passado. A parceria foi promovida pela Comissão Europeia há cinco meses como um "veículo de cooperação entre os Estados-Membros para trocar experiências e conhecimentos nos domínios técnicos e regulamentares e preparar o lançamento de aplicações em toda a UE no mercado único digital para o benefício dos setores público e privado. ”

Em fevereiro, a Câmara dos Deputados italiana aprovou um projeto de lei que define tecnologias de contabilidade distribuída ( DLTs ), como blockchain. Na época, Maria Laura Mantovani, membro do parlamento italiano no partido Movimento 5 Stelle, disse à Cointelegraph Italia que um caso de uso favorável para blockchain é sua aplicação na votação online.

No mês passado, a Associação Bancária Italiana anunciou que os bancos da Itália irão integrar o DLT nos processos internos para aumentar os assentamentos. A implantação do blockchain também está definida para melhorar a transparência nas transações entre os bancos e a eficiência da comunicação entre as contrapartes.