Índia: Outra exchange cripto fecha devido à pressão regulatória

A exchange cripto indiana Koinex cessou as operações de forma imediata, afirmou seu cofundador Rahul Raj em um post de blog em 27 de junho.

Raj disse que múltiplos atrasos das agências governamentais na clarificação do regulamento de cripto desempenharam um papel importante na decisão de fechamento.

A proposta deste mês de introduzir uma sentença de prisão de 10 anos para cidadãos indianos que usem criptomoedas também contribuiu para um "declínio acentuado nos volumes de negociação".

De acordo com Raj, a Koinex havia experimentado “disrupções regulares”, incluindo negações quando tentava usar serviços de pagamento. Ele alegou que essa disrupção se estendia também a transações não-cripto - com funcionários da exchange tendo que responder perguntas dos bancos sempre que recebiam seu salário ou tentavam pagar o aluguel.

Advertindo que já não era economicamente viável atender aos clientes, Raj acrescentou:

"A decisão final foi tomada depois de considerar devidamente todos os mais recentes desdobramentos na indústria de cripto e blockchain na Índia ... Infelizmente, não estamos muito esperançosos de que as coisas mudem para melhor no futuro próximo".

Raj disse que a exchange planeja reembolsar depósitos congelados em contas bancárias nas próximas cinco semanas e pediu que os usuários esvaziem suas carteiras de cripto até 15 de julho.

Em maio, outra exchange indiana de criptomoedas, a Coinome, também anunciou que estava fechando as portas devido a dificuldades regulatórias.

Na semana passada, foi reportado que o Facebook não solicitou aprovação na Índia para operar o Libra, sua cripto anunciada recentemente.