Ex-CTO da Algo Capital assume 'total responsabilidade' por violação de carteira quente

O agora ex-diretor técnico (CTO) da Algo Capital, braço de investimentos da empresa de blockchain Algorand, publicou uma declaração após uma grande violação de segurança de uma das carteiras quentes da Algo sob sua gestão pessoal.

Como o Cointelegraph relatou recentemente, o celular do CTO da Algo Capital, Pablo Yabo, foi invadido por hackers, levando ao roubo de aproximadamente US$ 1 a 2 milhões em tokens Tether (USDT) e Algorand (ALGO) de uma carteira quente da Algo.

Garantir fundos "de maneira versátil" permanece difícil

Em sua declaração, Yabo escreveu que o incidente provocou uma reflexão considerável de sua parte, acrescentando:

“O estado do ecossistema e as dificuldades para garantir e operar os fundos, ao fazê-lo de maneira versátil. Ainda é muito complicado garantir fundos para instituições que precisam deles prontamente disponíveis. Até que esse problema de interface não seja resolvido, a adoção global dessa tecnologia pelas empresas não acontecerá.”

Yabo observou que a operação dos hackers foi extremamente rápida, com eles acessando um arquivo confidencial em questão de minutos, transferindo os fundos de cripto para várias contas e depois dispersando as moedas obtidas ilicitamente por várias exchanges.

Assumindo total responsabilidade pela violação, Yabo revelou que cobrirá pessoalmente a maior parte dos fundos roubados, com o restante sendo coberto pela Algo Capital General Partners.

ALGO cai 14% na semana

Tendo renunciado ao cargo de CTO, Yabo disse que concentraria seu tempo no desenvolvimento de estruturas seguras no Rand Labs, uma equipe especializada em desenvolvimento de tecnologia para o ecossistema da Algorand, incluindo carteiras, contas multisig e ferramentas de exploração de blocos.

Em agosto, a Algo Capital arrecadou US$ 200 milhões para seu fundo de capital de risco, que será focado em negócios que constroem infraestrutura para a blockchain Algorand. Com base no protocolo de passagem de mensagens do Byzantine Agreement, a rede é um sistema de pagamento de ledger e de criptomoeda de código aberto.

Até o momento, o Algorand (ALGO) é classificado como a 18ª maior criptomoeda por sua capitalização de mercado e é negociado de forma estável no dia. O token caiu 14,1% na semana, de acordo com dados da Coin360.