Zcash lança novo software e client para reforçar a saúde da rede

A organização sem fins lucrativos The Zcash Foundation fechou parceria com a empresa blockchain Parity Technologies para lançar um novo software client de código aberto para a criptomoeda Zcash, segundo um comunicado de 17 de junho.

O novo client, chamado Zebra, supostamente existe para oferecer redundância em caso de falha do client principal — Zcashd. O Zcash espera que isso proporcione melhor segurança para sua rede de criptografia como um todo.

Além disso, o client é desenhado para aprimorar a performance do Zcash de outras formas, como oferecendo meios de "detectar bugs específicos de implementação" e avisar sobre problemas relacionados a seu mecanismo de consenso.

A Parity Technologies já construiu outras criptomoedas notáveis no passado, como a Parity Ethereum. O CTO da Parity Fredrik Harryson comentou sobre as supostas vantagens do novo cliente do Zcash, dizendo:

"A comunidade ganha em todos os setores. [...] A Zcash agora pode se gabar de uma comunidade mais diversificada que pode efetivamente adaptar as experiências para os desenvolvedores da 2a Camada, assim como para os usuários finais."

Como já noticiado pelo Cointelegraph, empresa por trás do Zcash enfrenta um processo de US$ 2 milhões movido contra um ex-funcionário.

O engenheiro de software Simon Liu processou seu ex-empregador Zerocoin Electric Coin Company, alegando que seu contrato lhe dava direito a 15.000 unidades de ações, e uma "Recompensa do Fundador", pelo qual a empresa reconhecidamente não poderia pagar, de acordo com uma cópia do formulário do caso civil oficial. No entanto, a empresa enviou uma carta aos seus funcionários no final de 2018, dizendo que eles não tinham plano de opção de ações e não haviam emitido concessões formais de opções a seus funcionários.