Autor do livro sobre os 'bilionários do Bitcoin' Winklevoss se une à série de TV de sucesso

Ben Mezrich, autor de best-seller “Bilionários por acaso”, está pronto para trazer um toque de cripto ao programa de TV norte-americano “Billions”.

Em um "tuíte" de 22 de julho, Mezrich brincou que ele estava "levando a Acela diretamente para Hollywood, baby!" e que trabalharia como consultor de produção para a quinta temporada de Billions.

O livro por trás de "A Rede Social"

O best-seller de não-ficção de Mezrich, “Bilionários por acaso: sexo, dinheiro, traição e a fundação do Facebook”, destacou Cameron e Tyler Winklevoss - cuja participação inicial no Facebook acabou sendo apenas um precursor de seus sucessos pioneiros na esfera da criptomoeda. .

A leitura popular foi posteriormente adaptada para as telonas no blockbuster “A Rede Social”, escrito pelo roteirista Aaron Sorkin, da West Wing.

O livro mais recente de Mezrich - "Bilionários Bitcoin: uma verdadeira história de gênios, traição e redenção" - é dedicado ao notório e demorado acordo dos irmãos gêmeos com o fundador do Facebook, Mark Zuckerberg, sobre sua participação nos primórdios do gigante das redes sociais.

Precedentes de ficção cripto

O drama sobre crimes financeiros Billions, com Damian Lewis como gerente do fundos de cobertura multibilionário Bobby Axelrod e Paul Giamatti como o advogado norte-americano Chuck Rhoades, que, na verdade, já se arriscou várias vezes nas criptomoedas.

Na terceira temporada, a Axelrod entrega a um de seus operadores US$ 1 milhão em criptomoedas em armazenamento a frio em uma carteira da fabricante francesa Ledger.

Na mesma época, também foi abordado o tema das criptomoedas no contexto de seu uso indevido para facilitar atos ilícitos de profissionais financeiros obscuros em um contexto institucional - assim como o envolvimento de cripto em redes complexas de corrupção financeira.

Como o Cointelegraph informou recentemente, a riqueza dos irmãos Winklevoss teria dobrado, atingindo os US$ 1,45 bilhão, após o crescimento do mercado de cripto em junho.

A recente revelação do Facebook de sua própria iniciativa de cripto, o "Libra" - caso consiga superar a pressão regulatória colocada contra ela - poderia levar Cameron, Tyler e Mark Zuckerberg de volta a seus primeiros dias de faculdade.