Walmart China vai rastrear alimentos em cadeia de suprimentos da blockchain Thor, da Vechain

Walmart China planeja rastrear alimentos através de sua cadeia de suprimentos com a blockchain Thor da VeChain, conforme revelou um comunicado da Vechain publicado em 25 de junho.

Segundo o comunicado, a Plataforma de Rastreabilidade Blockchain da Walmart China (Walmart China Blockchain Traceability Platform - WCBTP) será uma iniciativa conjunta entre Walmart China, VeChain, PricewaterhouseCoopers (PwC), a empresa pecuária Inner Mongolia Kerchin, e a China Chain-Store & Franchise Association. A WCBTP fez o anúncio durante o Seminário de Construção do Sistema de Rastreabilidade da Semana de Publicidade de Segurança de Produtos da China de 2019, organizado conjuntamente pelo Walmart China e pela CCFA em Pequim.

A Walmart China já revelou 23 linhas de produtos que serão rastreadas com o sistema e planeja lançar mais 100 produtos que serão rastreados, formando 10 categorias diferentes. O comunicado diz que a empresa espera que as vendas rastreadas terão volume significativo:

“Espera-se que, no sistema de rastreabilidade do Walmart China, a carne fresca rastreada corresponda a 50% das vendas totais de carne fresca embalada, legumes rastreáveis representem 40% das vendas totais de legumes embalados, frutos do mar rastreáveis sejam responsáveis por 12,5% das vendas totais de frutos do mar até o final de 2020."

A VeChain está entre as 197 empresas autorizadas pela administração do ciberespaço da China a atuarem como provedoras registradas de serviços de blockchain, em decisão tomada em abril.

Como o Cointelegraph noticiou recentemente, o Walmart tem aderido largamente à tecnologia de contabilidade distribuída (DLT). Em outubro de 2016, a empresa iniciou colaboração com a IBM para um sistema baseado em blockchain que poderia identificar e sinalizar alimentos que tenham sofrido recall.

Desde então, o Walmart está engajado em diversas patentes e testes relacionados à DLT — por exemplo, rastreando carne na China, com drones de entregas, alimentos vivos e patenteando entregas inteligentes nos EUA.