Regulador financeiro de Taiwan estabelece mecanismo de financiamento relacionado a STO neste ano

A comissão de supervisão financeira de Taiwan (Financial Supervisory Commission - FSC) vai estabelecer um novo mecanismo de financiamento baseado em ofertas de token de segurança (security token offerings - STOs), de acordo com artigo publicado pela rede de notícias econômicas Taiwan Economic Daily nesta segunda, 4 de março.

A FSC, uma agência estatal independente subordinada ao Yuan Executivo da República da China (Taiwan), revelou planos para a adoção de um mecanismo de financiamento em STO. Um simpósio com objetivo de ouvir a opinião de atores da indústria sobre o problema está agendado para o fim de abril, com planos de formular padrões de emissão relevantes e normas até o final de junho de 2019.

Gu Lixiong, diretor do FSC de Taiwan, destacou que podem haver diferentes bolsas para STOs não limitadas a bolsas de valores existentes. Ele também completou:

“O STO é um produto emergente da próxima geração de mercado de capitais, que podem afetar a popularidade da nova equipe criativa de Taiwan no mercado nacional nos próximos cinco ou 10 anos.”

Como o Cointelegraph publicou em 24 de outubro, o regulador financeiro de Taiwan já revelou planos de estabelecer regulação oficial para ofertas de moeda inicial (initial coin offerings) até junho de 2019, revertendo uma política de não-envolvimento adotada em 2017, de acordo com o diretor do FSC.

Também na Ásia, em dezembro, Tipsuda Thavaramara, o secretário-deputado da Comissão de Valores Mibiliários da Tailândia (Thai SEC) anunciou que o órgão ainda não decidiu como regular STOs em termos de propriedade de ações, direitos de voto e dividendos, como o Cointelegraph publicou em primeiro de dezembro de 2018.