Standard Chartered Banking Group se une à Ethereum Enterprise Alliance

O grupo bancário internacional Standard Chartered se tornou o mais recente membro de uma organização de construção de padrões blockchain, a Ethereum Enterprise Alliance (EEA).

Em comunicado à imprensa divulgado em 6 de novembro, o Standard Chartered disse que a medida permitiria expandir suas ofertas de clientes em seus 60 mercados internacionais.

Standard Chartered é o mais novo membro bancário da EEA

"A tecnologia nos permite facilitar o comércio e o investimento nos mercados em que estamos presentes, melhorando a experiência do cliente e oferecendo novos serviços", comentou o diretor de informações do grupo, Dr. Michael Gorriz.

A EEA foi formada em março de 2017 como um esforço colaborativo que explora o desenvolvimento e a implementação de soluções blockchain em todos os setores econômicos.

Sua base de membros agora chega às centenas, com a participação de entidades como Microsoft, Hyperledger e vários outros bancos internacionais, como o Santander da Espanha e o Sberbank da Rússia.

Uma associação formal com a Hyperledger, que oferece ferramentas blockchain de nível empresarial, surgiu em outubro do ano passado.

A EEA também publica material informativo, como documentos de padrões blockchain, entre os quais um esforço dedicado à indústria de telecomunicações em agosto.

Aumentando as margens de manobras na blockchain

“Estamos entusiasmados por fazer parte da EEA e esperamos oportunidades em que possamos colaborar com outros dos principais players do setor para aprofundar a pesquisa e aplicação da blockchain no setor bancário”, acrescentou Gorriz.

A Standard Chartered já fez incursões na utilização da blockchain. Conforme relatado pelo Cointelegraph, o banco concluiu recentemente um esquema de financiamento da cadeia de suprimentos e usou a tecnologia para enviar uma transação de carta de crédito transfronteiriça.