Standard Chartered faz transação de carta de crédito usando blockchain

O Standard Chartered, empresa bancária e de serviços financeiros sediado em Londres, completou sua primeira operação transfronteiriça de carta de crédito blockchain na indústria petrolífera com o gigante tailandês de petróleo PTT Group.

Carta de crédito on-chain

O Standard Chartered anunciou que executou com sucesso uma transação piloto de carta de crédito (LC) para o PTT Group, o PTT International Trading Pte Ltd e o IRPC Public Company Limited sobre a plataforma blockchain da Voltron em um comunicado de imprensa divulgado em seu site em 7 de agosto.

De acordo com o comunicado, as companhias petrolíferas geralmente dependem de cartas de crédito como uma forma de financiamento comercial de curto prazo devido ao valor significativo de sua carga. Além disso, essa confiança supostamente implica algumas desvantagens. Notavelmente:

“Esse processo é intensivo em papelada e requer até cinco dias para a entrega desses documentos.”

A empresa alega que esse piloto consistia em digitalizar e simplificar a troca de informações de ponta a ponta entre todas as partes de um carregamento de um produto de petróleo da Tailândia para Cingapura. A emissão, assessoria e negociação da LC e a apresentação de documentos foram todas gerenciadas na plataforma blockchain da Voltron.

Melhorias nas operações de carta de crédito

As partes envolvidas no negócio teriam sido capazes de ver atualizações em tempo real sobre o andamento da transação, o que resultou em uma aceleração significativa do processo, que foi concluído em menos de 12 horas. O diretor-geral do PTT, Supasachi Hongsinlark, comentou o acontecimento:

"O sistema fornecerá mais visibilidade para monitorar o fluxo de financiamento do comércio em tempo real, o que melhorará a transparência e a credibilidade do processo de negociação e, assim, fortalecerá o relacionamento entre nossos parceiros e as partes interessadas a longo prazo."

A Crunchbase estima que a receita anual do PTT seja de US$ 60,5 bilhões.

Como o Cointelegraph reportou no início desta semana, o Standard Chartered concluiu sua primeira transação de financiamento da cadeia de fornecimento baseada em blockchain.