A Samsung anuncia como parceiros do Galaxy S10 o Bitcoin e o Ethereum

A nova série Galaxy S10 de smartphones da sul-coreana e gigante de tecnologia Samsung, aparentemente, têm funções de armazenamento em carteira para o Ethereum (ETH) e o Bitcoin (BTC) e outros dois tokens. Um funcionário da Samsung falou sobre os novos recursos do telefone no Mobile World Congress em Barcelona, Espanha, em 25 de fevereiro.

Em sua apresentação, a Samsung revelou vários projetos relacionados a criptomoedas e blockchain para smartphone, incluindo suporte para Bitcoin, Ethereum, token COSMEE (COSM) e token Enjin (ENJ). O COSMEE é um aplicativo descentralizado de beleza móvel (DApp) ativado por blockchain, no qual os usuários podem ganhar e gastar tokens do COSM. Enjin é uma carteira de criptomoedas que supostamente será instalada no novo Galaxy S10.

A COSMEE afirma ter sido selecionada pela Samsung como a primeira parceira da DApp apoiada por seu próximo smartphone, enquanto a Enjin pode ser usada para enviar e receber tokens ERC-20 e ativos de jogos cripto ERC-1155.

Relatórios variados surgiram a respeito da integração blockchain e criptos nos novos telefones da Samsung. Em dezembro de 2018, a Samsung rejeitou a idéia de uma carteira criptográfica integrada como “boato e especulação”. Em janeiro, fotos vazadas do novo smartphone sugeriram que o Galaxy S10 suportaria uma carteira Ethereum.

Hoje cedo o smartphone Exodus, desenvolvido pela gigante dos produtos eletrónicos de consumo HTC, anunciou que se associou a Opera Browser e adicionou suporte para vários DApps. A empresa anunciou o suporte para Etheremon e Decentral e DApps, e o smartphone agora supostamente suporta um DApp de Taiwan chamado Numbers.