Página falsa tenta enganar clientes do Mercado Bitcoin para roubar fundos

No último dia 31 de agosto, um grupo de segurança digital divulgou que os clientes do Mercado Bitcoin, a maior exchange de criptomoedas do Brasil, estariam sofrendo ataques de “phishing”.

O grupo publicou no Twitter uma foto de um suposto ataque. Os criminosos estariam abordando clientes para falar sobre a declaração de criptomoedas no Imposto de Renda para tentar roubar as suas chaves de acesso à exchange.

O ataque de “phishing” ocorre quando uma página falsa pretende se passar pela verdadeira e pede a confirmação de detalhes que possam oferecer aos golpistas o acesso às contas verdadeiras dos clientes. 

O objetivo é conseguir acessar a plataforma se passando pelo cliente para tentar roubar os fundos que estejam disponíveis.

Essa forma de ataque é a principal ameaça à segurança cibernética e são quase onipresentes na internet segundo o portal CryptoID, especializado em tecnologia da informação.

Em nota à imprensa, o Mercado Bitcoin disse:

“Sobre uma eventual tentativa de phishing, reforçamos que nossos sistemas de segurança não identificaram qualquer cliente atingido e que monitoramos 24x7 as tentativas desta natureza. Tão logo são identificadas, denunciamos e acompanhamos o processo para garantir que nossos clientes não sejam impactados”.

A empresa finaliza a nota divulgando seus canais oficiais de contato, como redes sociais e e-mails. 

Conforme reportado pelo Cointegraph, recentemente o Mercado Bitcoin lançou cerca de 5 milhões de reais em precatórios que foram vendidos em menos de 24 horas.