Oficial: Rússia não vai apresentar regulamentação separada para o Libra do Facebook

A Rússia não irá desenvolver um regulamento separado para a criptomoeda do Facebook, Libra , de acordo com o vice-ministro das Finanças, Alexei Moiseev, informou a Interfax em 1 de julho.

Moiseev afirmou que a Rússia não irá introduzir legislação separada para o Libra, pois haverá regras uniformes para todas as criptomoedas em circulação. "Ninguém vai introduzir uma proibição. Um grande número de empresas pergunta quando será finalmente possível conduzir legalmente uma oferta inicial de moeda ICO de forma transparente no pais. Isso definitivamente será regulamentado, permitido, e tera regras", disse Moiseev.

Moiseev observou que a questão é se "a criptomoeda terá aproximadamente o mesmo status que a moeda estrangeira". Ele considerou que o uso de criptomoedas para pagar por bens e serviços será sempre proibido na Rússia. "O rublo é nossa moeda nacional e todos os cálculos devem ser feitos nele", acrescentou Moiseev.

A notícia segue uma declaração do presidente do Comitê de Duma da Rússia sobre o mercado financeiro, Anatoly Aksakov, de que o Libra do Facebook não será legalizado na Rússia, pois pode representar uma ameaça ao sistema financeiro do país. 

Aksakov também ressaltou que a Rússia não tem planos de adotar a legislação "que fornece espaço para o uso ativo de ferramentas de criptomoedas criadas no âmbito de plataformas abertas, blockchains ".

Enquanto o público aguarda a aprovação do grande projeto de criptomoedas do país que pode enquandrar os criptoativos em "ativos financeiros Digital” ( DFA ) o que pode proporcionar segurança regulamentar para a indústria de criptomoedas no país, uma notícia destacou que MINFIN está considerando permitir a negociação criptomoedas.