Banco mais antigo da Coreia lança plataforma nacional de empréstimo baseada em blockchain

Banco mais antigo da Coreia, o Shinhan Bank lançou uma plataforma de empréstimos com blockchain para acelerar o processo de empréstimo, informou a agência de notícias sul-coreana Yonhap em 27 de maio.

O sistema de empréstimos com blockchain do Shinhan Bank pretende aumentar as eficiências de custo e tempo no processo de empréstimo, permitindo ao público solicitar empréstimos on-line e conseguir créditos sem qualquer interação presencial.

Segundo o relatório, o novo sistema é a primeira iniciativa do gênero introduzida na Coreia do Sul.

Especificamente, o novo sistema de empréstimos do Shinhan Bank aplica a tecnologia blockchain nos processos de verificação e confirmação dentro da rede de instituições e bancos afiliados. O sistema permite que as partes se registrem e operem na rede usando uma senha única criptografada, dando acesso fácil e instantâneo aos dados necessários para a aprovação e emissão de empréstimos.

Um funcionário do Shinhan Bank disse que a recente aplicação da tecnologia blockchain faz parte das tentativas da instituição de fornecer serviços remotos para os clientes. Ele acrescentou que o banco continuará desenvolvendo inovações com acesso remoto, bem como produtos para expandir a acessibilidade.

Como o segundo maior banco comercial da Coreia do Sul, o Shinhan Bank vem adotado ativamente a tecnologia blockchain desde o ano passado. No final de 2019, foi relatado que o banco estava implementando blockchain em processos internos para reduzir os riscos de erro humano. Anteriormente, o banco também havia implementado transações de swap de taxa de juros baseadas em blockchain.

Recentemente, um grupo de quatro bancos emitiu com sucesso um tipo baseado em blockchain de um contrato de empréstimo juridicamente vinculativo chamado de nota promissória. O sistema reduziu em mais de 50% as etapas necessárias para emitir a nota.