Painel do governo indiano recomenda banimento total das criptomoedas

Um painel do governo indiano recomendou a proibição das criptomoedas, informou a Reuters em 22 de julho.

A Índia está finalmente prestes a banir as criptomoedas?

O painel recomendou hoje ao governo que proíba as criptomoedas e imponha sanções a qualquer negociação envolvendo ativos cripto. A Reuters acrescenta que, de acordo com uma declaração do governo, o relatório e o projeto de lei divulgados pelo painel e que apoiam a recomendação serão examinados pelos órgãos reguladores e pelo governo antes seja tomada que uma decisão final.

Uma proibição local não é uma surpresa

No início deste mês, o Ministro de Estado da Fazenda da Índia, Anurag Thakur, assinalou que não há nenhuma lei na Índia que proíba expressamente o uso de criptomoedas. Ainda assim, um projeto de lei que supostamente impõe uma proibição do uso de criptomoedas no país foi publicado por especialistas jurídicos locais nas redes sociais há uma semana.

O esboço de 18 páginas proposto propõe uma definição de criptomoedas como “qualquer informação, código, número ou token que não faça parte de qualquer Moeda Digital Oficial, gerada através de meios criptográficos ou de outra forma, fornecendo uma representação digital de valor”.

Embora todos os ativos que se enquadrem nessa definição sejam proibidos, o regulamento também sugere que uma rupia digital, emitida pelo banco central da Índia, seria reconhecida como moeda legal.

Como o Cointelegraph informou recentemente, Tim Draper, proponente do Bitcoin (BTC) e o investidor da Tezos, criticou o governo indiano em 16 de julho, chamando o governo de "patético e corrupto" pela proposta de proibição da criptomoeda.