Reportagem diz que ramo blockchain da Hyundai cria fundo de US$ 10 milhões para o lançamento de mainnet

A Hdac Technology, ramo de blockchain do maior fabricante de automóveis da Coreia do Sul Hyundai Motor Group, planeja criar um fundo de investimento em blockchain de US$ 10 milhões em 2019.

Testnet da Hdac será lançada em novembro de 2019

A Hdac usará os fundos para lançar sua mainnet, bem como desenvolver aplicativos descentralizados, apoiar novas empresas do setor e criar um ecossistema com um "sistema de compensação de criptomoedas", relatou a agência de notícias coreana The Financial News em 6 de outubro.

A Hdac, emissora do Hyundai token (HDAC), planeja lançar sua mainnet no primeiro trimestre de 2020, observa a reportagem. Como anunciado anteriormente, a testnet está programada para ser lançada em novembro de 2019.

Cooperação com a Kakao

Joo Yong-wan, chefe do escritório sul-coreano da Hdac, teria anunciado a notícia em uma entrevista coletiva durante a Semana da Blockchain da Coreia, reallizada entre 29 de setembro e 4 de outubro.

O executivo revelou os planos da Hdac de estabelecer fundos conjuntos com empresas financeiras “para a descoberta e promoção de empresas blockchain pequenas, mas promissoras.”

Além disso, Joo Yong-wan observou que a empresa está buscando cooperação com empresas locais de blockchain, como a Ground X, ramo de blockchain da gigante de tecnologia sul-coreana Kakao e que lançou a mainnet de sua plataforma - a Klaytn - em junho de 2019.

A Hyundai tem adotado ativamente a tecnologia blockchain até agora. Em abril, a empresa anunciou um aplicativo blockchain para emparelhar veículos elétricos com smartphones.

No início deste ano, a subsidiária de serviços financeiros da Hyundai, a Hyundai Commercial, fez uma parceria com a gigante global de tecnologia IBM para transformar seu modelo de negócios usando a blockchain.