Relatório da Grayscale mostra que Bitcoin Trust recebeu a maior parte dos investimentos no 1T de 2019

A gestora de ativos digitais norte-americana Grayscale Investments registrou um crescimento de 42% em suas entrada de produtos no primeiro trimestre de 2019 em relação ao trimestre anterior, anunciou a empresa em um novo relatório financeiro desta segunda-feira, 13 de maio.

A Grayscale foi especificamente otimista em relação à principal criptomoeda, o Bitcoin (BTC), reportando que a grande maioria dos investimentos no primeiro trimestre de 2019 foi em seu Bitcoin Investment Trust (BIT).

De acordo com o relatório, o Grayscale Bitcoin Trust garantiu US$ 3,2 milhões do investimento semanal médio da empresa que, no total, foi de US$ 3,3 milhões. Os produtos de investimento sem Bitcoin totalizaram menos de US$ 0,1 milhão, afirmou a empresa.

Os investimentos sem bitcoin incluem produtos como o Grayscale Ethereum Trust, o Grayscale XRP Trust, o Bitcoin Cash Trust, entre outros, explicou a empresa.

O investimento total em produtos Grayscale aumentou de US$ 30,1 milhões no 4T 2018 para US$ 42,7 milhões no 1T 2019, com 73% dos investidores representados por investidores institucionais. A empresa também escreveu que os fundos de hedge aumentaram significativamente seus investimentos, passando de menos de US$ 1 milhão no quarto trimestre de 2018 para cerca de US$ 24 milhões no primeiro trimestre de 2019.

Fundada em 2013 por uma das principais empresas de venture capital em criptomoedas, a Digital Currency Group, os produtos de investimento da Grayscale incluem o Grayscale Bitcoin Trust (OTCQX: GBTC), o Grayscale Ethereum Classic Trust (OTCQX: ETCG) e um produto diversificado denominado Grayscale Digital Large Cap Fund .

Em 1º de maio, o Grayscale estreou o seu provocativo comercial Bitcoin “Drop Gold” pedindo aos investidores que investissem no BIT da Grayscale ao invés de manter o ouro, que a empresa caracterizou como um ativo antiquado que pesa no portfólio dos investidores.