Gigante brasileira de soluções digitais Stefanini faz balanço de 2019 e planeja adoção de blockchain

Uma das mais proeminentes provedoras globais de soluções digitais, a Stefanini, recebeu jornalistas em sua sede nesta terça-feira, 10 de dezembro, em São Paulo, para fazer um balanço de seu desempenho em 2019.

Durante a apresentação de seu CEO, Marco Stefanini, a empresa revelou que as Ventures digitais da empresa foram responsáveis por um crescimento de 35%, com 10% de crescimento total e faturamento global de R$ 3,3 bilhões.

Marco Stefanini também diz que os mercados brasileiro e latinoamericano são uma grande oportunidade para fintechs, pois oferecem "juros altos na ponta".

Breno Barros, diretor de inovação e negócios digitais da empresa, disse em entrevista ao Cointelegraph Brasil que a empresa já trabalha para a adoção de blockchain em suas soluções digitais:

"A gente trabalha a tecnologia blockchain como Stefanini, hoje ainda está em estágio inicial, de validação de alguns conceitos. A gente tem uma ideia de que a blockchain pode resolver alguns tipos de problemas. Em casos como por exemplo na reforma trabalhista, que vai exigir que empresas recolham anualmente uma certidão positiva dos fornecedores, isso vai envolver relações de desconfiança, com três partes envolvidas, com dados invioláveis, a blockchain pode atestar que estes são confiáveis. Outra aplicação que a gente vê é na indústria, restreamento de carnes e grãos, na área de suprimentos como um todo".

A empresa baseia a maioria de sua atuação no Brasil e na América Latina, mas já começa a abrir mercado em Israel, na Europa e na Ásia. Entre seus principais clientes estão grandes bancos como o Banco do Brasil.

A Stefanini diz ter como missão liderar a transformação digital, oferecendo soluções para os mais variados setores e combinando tecnologias como Inteligência Artificial, automação, internet das coisas e computação em núvem.

A provedora digital divide suas soluções em cinco setores, com soluções combinadas para diversos mercados: tecnologia, indústria, marketing digital, banking e análise de dados & inteligência artificial. Segundo seu CEO, a empresa cresceu 9 vezes nos últimos 4 anos, com perspectiva exponencial de crescimento de 20 vezes até 2022.

Continue lendo: