Banco estatal francês ingressa no financiamento de US$ 8 milhões de startup da Lightning Network

Um dos desenvolvedores da Lightning Network do Bitcoin (BTC) arrecadou US$ 8 milhões em financiamento de parceiros, incluindo o de um banco parcialmente pertencente ao estado francês.

Bpifrance estatal financia desenvolvimento da Lightning

Em um comunicado de imprensa publicado em 9 de outubro, a empresa de tecnologia Bitcoin ACINQ confirmou a notícia. Isso eleva seu investimento total para US$ 10 milhões.

O financiamento veio do principal colaborador Idinvest Partners, que se concentra em pequenas e médias empresas europeias. Também esteve envolvido o Bpifrance, um banco de investimento criado por duas entidades públicas francesas.

Como tal, o governo chegou visivelmente perto de financiar diretamente a melhoria do Bitcoin em meio a um aparente abrandamento de sua posição frente à criptomoeda de maneira mais ampla. A diretora de investimentos digitais da Bpifrance, Véronique Jacq, observou:

"O potencial da criptomoeda está se tornando cada vez mais óbvio. Nesta área, onde ainda há muito a explorar e construir, o Bitcoin fornece uma plataforma para experimentar e implementar que é inigualável. [...] a Lightning é sua solução de escalabilidade mais promissora e estamos felizes e orgulhosos de ajudar e fazer parceria com a ACINQ, uma empresa francesa que é um dos líderes mundiais dessa nova tecnologia".

Reconhecimento da Lightning a passo de tartaruga

A ACINQ declarou que usaria o dinheiro para melhorar o protocolo Lightning e expandir suas próprias operações comerciais.

A notícia aparece bem quando os comentaristas continuam acreditando que o Lightning permite transações de Bitcoin mais rápidas e baratas.

Como o Cointelegraph relatou, foi Samson Mow, CSO da empresa de tecnologia Bitcoin Blockstream, que confirmou sua crença de que a Lightning faria parte da futura presença do Bitcoin no futuro.

Porém, sua jornada para o uso comum não pode vir como resultado de um único momento divisor de águas, ele sugeriu, acrescentando:

“A Lightning precisa crescer organicamente, não há como realizá-lo artificialmente. As pessoas precisam abrir canais, adquirir Bitcoins e começar a se conectar com outros nodes.”