Funcionário do Banco Europeu discute potenciais benefícios de moeda digital de banco central

Um membro do Banco Central Europeu (BCE) destacou os benefícios das chamadas moedas digitais de banco central (CBDC) enquando pregava precaução em um discurso publicado pelo Bank of International Settlements em 27 de maio.

Vitas Vasiliauskas — Diretor do Conselho do Banco da Lituânia e membro do Conselho Governamental do BCE — proferiu seu discurso na conferência do Comitê Reinventing Bretton Woods, chamada "Managing the Soft Landing of the Global Economy". Vasiliauskas especificamente considerou se os CBDCs deveriam ser no atacado, varejo ou ambos.

Vasiliauskas disse que CBDCs deve servir como um meio de troca, um meio de pagamento e uma reserva de valor, refletindo qualidades das formas atuais de dinheiro do banco central, mas não uma conta de reserva convencional ou um ativo cripto privado. No caso do lançamento da CBDC no varejo, ele estaria disponível para o público em geral, enquanto o acesso ao atacado estaria aberto apenas a instituições financeiras.

Entre os potenciais benefícios da CBDC, Vasiliauskas nomeou a alta eficiência em pagamentos e liquidação de títulos, a redução de contrapartes de crédito e riscos de liquidez. O CBDC de varejo com juros poderia melhorar a transmissão da política monetária e fortalecer o repasse da política para as taxas de depósito e empréstimo. No entanto, Vasiliauskas avisou ainda:

“A quantidade de dinheiro em circulação está diminuindo em alguns países. Isso pode significar que, um dia, mesmo que pareça uma perspectiva distante, cada pessoa terá que ter uma conta com uma entidade privada apenas para fazer pagamentos. Infelizmente, isso pode levar ao aumento dos níveis de exclusão financeira.”

Um CBDC de varejo garantiria, assim, que as pessoas continuassem a ter acesso a dinheiro do banco central, disse Vasiliauskas, e poderia eventualmente ter efeitos positivos sobre a estabilidade financeira. Enquanto isso, uma das principais preocupações do banco central deve ser a aderência da CBDC aos requisitos de lavagem de dinheiro e a forma como pode aplicar os padrões contra lavagem de dinheiro (AML) a formas anônimas da CBDC.

No começo de maio, o BCE publicou relatório sobre sobre o impacto potencial das moedas digitais na evolução econômica e na política monetária, onde declara especificamente que tais implicações poderiam ocorrer se as moedas cripto se tornassem substitutas confiáveis para dinheiro e depósitos, mas atualmente não cumpririam as mesmas funções do dinheiro.