Ethereum Classic implementa com sucesso o Atlantis Hard Fork

A equipe por trás do Ethereum Classic (ETC) ativou o Atlantis Hard Fork, com o objetivo de melhorar a funcionalidade e a compatibilidade do altcoin com o Ethereum (ETH).

A notícia foi anunciada em um post no Twitter pelo diretor de relações com desenvolvedores da ETC, Yaz Khoury em 12 de setembro. Khoury parabenizou o projeto pelo desenvolvimento, dizendo:

“Parabéns @eth_classic pela ativação bem-sucedida do Atlantis Hardfork! Foi um dos debates mais longos a chegar a um consenso, juntamente com muitas políticas de imutabilidade. Aprendi muito sobre a beleza da descentralização e de uma comunidade distribuída.”

De acordo com o plano

Como tal, a ETC executou com sucesso o Atlantis Hard Fork de acordo com o tempo previamente estimado - entre 12 e 13 de setembro de 2019 - na altura do bloco 8.772.000. Como o ETC Labs disse ao Cointelegraph em junho: "A comunidade teve várias reuniões para discutir tempo, escopo e envolvimento, e decidimos a direção e o momento do lançamento do Atlantis".

Este hard fork destina-se a melhorar a segurança, levando em consideração as preocupações da comunidade. Também é considerada uma atualização sem pressa que garantirá a compatibilidade do ETC com o Ethereum, facilitando a colaboração com outras cadeias de blockchains.

Conforme relatado em junho, desenvolvedores e colaboradores consideraram colocar o hard fork no bloco 8,75 milhões, prevendo a execução em 15 de setembro. No entanto, o ETC Labs posteriormente moveu-se para aumentar o número do bloco, para ter a atualização projetada durante a semana, quando é mais provável que as partes envolvidas estejam presentes para descobrir e trabalhar em qualquer problema que possa surgir.

Suporte dos players do setor

Após o anúncio do hard fork, a ETC recebeu suporte de diversos players do setor, incluindo o OKEx, exchange de criptomoedas. As corretoras revelaram seu apoio em 10 de setembro, alertando também que vão tratar de questões técnicas relacionadas e irão retomar os serviços assim que a rede principal da ETC estiver estável.

No dia 11 de setembro, a plataforma exchange Bitfinex anunciou que também apoiará o Atlantis.