Coinbase bane conta pessoal de comentarista de extrema direta britânico Milo Yiannopoulos

A principal exchange de criptomoedas dos Estados Unidos, a Coinbase, barrou o comentarista britânico de extrema direita Milo Yiannopoulos de sua plataforma, segundo afirmações de Yiannopoulos em um post do dia 3 de maio.

Yiannopoulos é um conhecido comentarista político, orador público, defendesor de visões de extrema direita e descreve a si mesmo como um "libertário cultural". Antes, Yiannopoulos foi editor do site americano de notícias e opiniões Breitbart News.

A conta de Yiannopoulos na Coinbase teria sido encerrada em três minutos:

Screenshot of Yiannopoulos Gab post

Captura da tela de Yiannopoulos no Gab. Fonte: Gab

Yiannopoulos foi anteriormente banido pelo Facebook, além de sua subsidiária Instagram e do Twitter, segundo o The Guardian. Um porta-voz do Facebook teria dito ao Guardian que “nós sempre banimos indivíduos ou organizações que promovem ou se envolvem em violência e ódio, independentemente da ideologia. O processo de avaliação de potenciais violadores é extenso e é o que nos levou à nossa decisão de remover essas contas hoje.”

Em janeiro, a Coinbase encerrou a conta pessoal de comerciante do fundador do Gab, Andrew Torba. Uma possível razão pela qual é difícil para o Gab obter um processador de pagamentos é, supostamente, sua reputação de ser a rede social para pessoas banidas de plataformas tradicionais por discursos de ódio.

Além disso, em abril passado, a Coinbase bloqueou a conta da WikiLeaks Shop, braço de mercadorias da publicação internacional anônima e sem fins lucrativos WikiLeaks, devido a violações dos termos de serviço. Em dezembro passado, Julian Assange, fundador do Wikileaks e exilado internacional, pediu aos doadores que contribuíssem para a publicação online usando criptomoedas a fim de contornar o "bloqueio" financeiro dos governos nacionais.