Co-fundador da Blockchain Capital, Gavin Brown: vamos ver apenas uma ou um punhado de criptos vencerem

O co-fundador da Blockchain Capital Gavin Brown disse que espera que apenas uma ou uma punhado de vencedoras quando o assunto é criptomoedas. Brown deu a declaração durante entrevista à CNBC publicada em 23 de abril.

Durante a mencionada entrevista, Brown ainda notou que acredita que os vencedores - ou vencedor - poderia acumular muito valor:

“Esses vencedores obviamente teriam uma grande vitória.”

Ele também explicou tentar entender quais criptomoedas podem terminar como vitoriosas é um desafio, e que essa é a razão pela qual ele acredita que investidores cripto geralmente possuem um portifólio diversificado. Brown, ainda nota que ele acredita que a participação crescente de empresas renomadas no espaço cripto vai trazer mais legitimidade.

De acordo com ele, existe uma tendência à democratização do dinheiro em que indivíduos e empresas poderiam criar suas próprias moedas. Assim, Brown diz que as pessoas iriam confiar na moeda se confiassem nas marcas e produtos adjacentes.

Em um exemplo, Brown diz que o Starbucks tem mais de 1 bilhão de Dólares em ativos de pessoas que pré-pagaram por seus cafés pois confiam na empresa e têm confiança de que o produto estará lá quando elas precisarem. Com isso em mente, ele nota que não é estranho que as multinacionais emitam suas próprias moedas e peçam aos consumidores para usá-las. Brown diz:

“Nós vivemos em uma era onde o McDonald tem mais avaliação de crédito que um país como a Irlanda.”

Ele também cita o chamado Facebook Coin, dizendo que ele "provavelmente é o próximo grande". Quando perguntado se um mundo em que cada grande empresa emite sua moeda não sera desnecessariamente complicado, Brown explicou que ele espera que alianças sejam formadas entre elas.

 Na opinião de Brown, essas alianças usariam a mesma criptomoeda para transações. Como exemplo, ele citou o JPMCoin, dizendo que cerca de 270 bancos já se inscreveram para usar o criptoativo.

Como o Cointelegraph noticiou ontem, o JPMorgan Chase está expandindo sua tecnologia blockchain para ajudar a reduzir o número de pagamentos globais rejeitados por erros.