Preço do Bitcoin rebate em US$ 10,8 mil enquanto mercados cripto esperam pela Bakkt

O preço do Bitcoin (BTC) continua a flutuar ao redor de US$ 10.500 em 5 de setembro, enquanto a maior criptomoeda interrompeu a tendência de alta pouco antes de chegar a US$ 11.000.

Market visualization

Visualização de mercado. Fonte: Coin360

Bitcoin diminui ritmo pouco antes de alcançar os US$ 11 mil

Dados do Coin360 mostraram ações menos voláteis para o BTC/USD na quinta-feira, depois de uma semana de disparada de mais de US$ 1.000.

No momento, o Bitcoin é negociado a US$ 10.620, enquanto era negociado a US$ 9.350 no mesmo ponto na semana passada.

 

Bitcoin 7-day price chart

Gráfico de preços do Bitcoin em 7 dias. Fonte: Coin360

Os ganhos de 12% na semana animaram os analistas, que abandonaram a perspectiva de baixa para apostas na sequência do movimento ascendente. Uma desaceleração no crescimento pode ter arrefecido as aspirações, mas os mercados agora esperam que outros eventos externos influenciem o comportamento das criptos. 

Para Filb Filb, um conhecido trader de Bitcoin, o lançamento da plataforma de negociação institucional Bakkt no fim de setembro pode ser o momento mais perto para esta mudança.

"O Bitcoin continua a se consolidar acima de US $ 10.000", ele resumiu em comentários privados, acrescentando:

“Muitas pessoas esperam receber lances abaixo de US$ 9.000; o mercado raramente consegue o que quer e não ficaria surpreso se elas fossem obrigados a comprar mais. Mas vamos ver o que acontece com o lançamento do Bakkt. "

Enquanto as opiniões sugerem uma demanda alta para os futuros de Bitcoin físicos da Bakkt, ela ainda precisa ser lançada, com os depósitos de clientes começando nesta sexta.

Altcoins continuam comendo poeira

Enquanto isso, a mais recente consolidação do Bitcoin continua a pressionar os mercados das altcoins. A maioria dos tokens importantes perdeu vários pontos percentuais no câmbio com o dólar americano na quinta-feira, não acompanhando o movimento do Bitcoin.

O Ether (ETH), maior altcoin por valor de mercado, teve um desempenho pior do que qualquer outra moeda do Top 20, caindo 3,4%, para atingir US$ 171.

Como o trader Nick Cote alertou na terça, um mergulho para perto dos US$ 160 pode até ter um efeito indireto para o Bitcoin.

“Uma quebra abaixo da faixa de US$ 160 seria um desastre para os otimistas. Eu diria que a maioria dos pares contra o USD, incluindo o Bitcoin, também despencaria ”, escreveu ele.

Ether 7-day price chart

Gráfico de preços do Ether em 7 dias. Fonte: Coin360

Outras moedas têm queda entre 1% e 3% no dia, com apenas o Monero (XMR) acompanhando o movimento de alta, chegando a ganhos de 3,2%.

A participação do Bitcoin no valor de mercado de criptomoedas de US$ 267 bilhões ficou em 71% na quinta-feira, continuando a expandir para máximas de dois anos.

Mantenha-se atualizado com os maiores mercados cripto em tempo real AQUI