Bitcoin começa 2020 mais seguro do que nunca, com taxa de hash atingindo novo recorde

O Bitcoin (BTC) já atingiu um novo recorde em 2020, com a taxa de hash da rede mais uma vez superando os máximos anteriores de todos os tempos.

Os dados de vários recursos de monitoramento, incluindo Blockchain e Coin Dance, confirmaram que a taxa de hash estava mais alta do que nunca no primeiro dia do ano novo.

As estimativas apontam para um recorde histórico para a rede BTC

Uma medida do poder de computação dedicado à validação da blockchain Bitcoin, a taxa de hash passou grande parte de 2019 em um ciclo de crescimento contínuo. Apenas em um breve período do terceiro trimestre, a tendência ascendente se estabilizou.

Uma taxa de hash forte sugere que o Bitcoin é uma proposta mais atraente para os mineradores - mais poder de mineração se traduz em melhor segurança da rede e robustez contra possíveis ataques.

De acordo com o Blockchain, a métrica atingiu 119 quintilhões de hashes por segundo (h/s) em 1º de janeiro. 

Bitcoin 1-year network hash rate

Taxa de hash da rede Bitcoin de 1 ano. Fonte: Blockchain


Os números da Coin Dance são diferentes, com 143 quintilhões gravados para a mesma data.Bitcoin 14-month network hash rate

Taxa de hash da rede Bitcoin em 14 meses. Fonte: Coin Dance

Mercados aguardam que "o preço sigua a taxa de hash"

A razão da variação está no fato de que a taxa de hash é praticamente impossível de medir em termos reais. Os recursos de monitoramento podem apenas analisar as atividades recentes da rede e, a partir disso, criar uma estimativa da taxa de hash.

Em setembro, o que parecia ser uma queda de 40% na taxa de hash, foi subsequentemente atribuída à maneira como é calculada.

Os registros recentes tornaram-se independentes da ação do preço do Bitcoin. O BTC / USD oscilou entre US$ 3.100 e US$ 13.800 no ano passado, mas a tendência da taxa de hash permaneceu.

Os comentaristas, incluindo o anfitrião do Keiser Report, Max Keiser, também alegaram que os altos da taxa de hash produzirão novos máximos do Bitcoin.

Até o momento, o par era negociado a pouco mais de US$ 7.100, queda de cerca de 3% nos três dias que cobriam o recorde da taxa de hash.

O Bitcoin estabeleceu recentemente outros registros técnicos, que o Cointelegraph relatou na semana passada.