Binance Jersey lista stablecoin própria atrelada à libra esterlina

A exchange de fiduciário para cripto Binance Jersey listou uma stablecoin própria atrelada à libra esterlina, de acordo com um comunicado de imprensa compartilhado com o Cointelegraph em 19 de julho.

"Grande demanda" por diversificação de stablecoins

A listagem do Binance GBP Stablecoin (BGBP) confirma as indicações anteriores de que importante principal participante do setor visava a emissão iminente de seus próprios ativos indexados a fiduciário, começando com uma criptomoeda 100% apoiada pela libra esterlina.

Wei Zhou, diretor financeiro da Binance, deu uma declaração oficial, na qual ele observou que:

"Tem havido uma demanda avassaladora no mercado e na comunidade da Binance para uma diversificação mais estável, incluindo uma stablecoin atrelada à libra esterlina".

Zhou acrescentou que o aumento da conscientização sobre a utilidade das moedas estéreis e a proliferação de casos de uso para o ativo especializado contribuíram para a decisão de Binance de listar a moeda e seguir adiante com outras moedas criptografadas.

Como publicado anteriormente, a Binance lançou sua plataforma Jersey em janeiro deste ano, projetando que a exchange apoiasse o comércio de fiduciário para cripto do euro e da libra esterlina com Bitcoin (BTC) e Ethereum (ETH) na Europa e no Reino Unido.

Mais febre da stablecoin

Antes de revelar planos para emitir seus próprios ativos do mesmo tipo, a exchange adotou - da mesma forma que outras plataformas importantes, como OKEx e Huobi - a proliferação da emissão de stablecoins apoiadas no fiduciário.

No outono de 2018, ela renomeou seu mercado Tether (USDT) para mercado combinado USDⓈ para permitir o suporte de mais pares de negociação com diferentes stablecoins oferecidas como um par de bases no outono de 2018.

No início deste mês, a Binance concluiu uma atualização para sua mainnet da Binance Chain - apresentando um mecanismo de correspondência revisado e permitindo que os validadores votassem para a retirada de pares de negociação da plataforma de trading descentralizado da Bianance, a Binance DEX.

Também neste mês, a Binance lançou uma plataforma de negociação de margem, que, da mesma forma, afirmou ter sido “um dos serviços mais solicitados pela nossa comunidade”.

Ainda ontem, o controverso emissor do Tether revelou que planeja lançar sua stablecoin em uma quinta blockchain, uma qe seja baseada em um protocolo de código aberto de prova de trabalho (proof-of-stake - PoS) e sem permissão.

Um estudo publicado em junho indicou que apenas 66 stablecoins — 30% do total de tokens anunciados — estão ativas e operantes.