Depois de atrasos, Atlas Quantum estende prazo 'máximo' de saques para 30 dias

A plataforma de arbitragem automatizada Atlas Quantum publicou em sua página oficial do Facebook um comunicado tratando dos atrasos nos saques de sua plataforma.

Como o Cointelegraph Brasil noticiou em 21 de agosto, os clientes da Atlas Quantum na época começaram a relatar atrasos e problemas relacionados a saques.

Na época, a empresa disse que alguns saques sofriam de "questões técnicas pontuais", e levavam até 3 dias para serem completados. Além disso, a empresa prometeu 25% de bônus como compensação pelos atrasos em saques.

Segundo a nota, a empresa diz que "devido ao volume atípico de saques enfrentado recentemente", algumas exchanges internacionais operadas pela Atlas haviam requisitado documentação adicional para verificação de contas e confirmação de retiradas.

Segundo a empresa, a validação dos documentos pode levar 30 dias, "prazo máximo no qual todos os saques em nossa plataforma devem ser processados".

A Atlas garante que está trabalhando para a normalização dos saques, ressaltando que no momento os maiores atrasos estão em D+7, ou seja, 7 dias após a confirmação do pedido de saque. As retiradas com este atraso corresponderiam a 10% dos pedidos, completa a empresa.