Quais Universidades estão Oferecendo Cursos de Blockchain?

Blockchain, a tecnologia por trás da criptomoedas como o Bitcoin, está gradualmente ganhando a maior atenção já que as maiores universidades dos EUA estão adicionando-o a sua lista de cursos

Para aqueles que ainda não são familiarizados com criptomoedas, ele é basicamente um ativo digital desenhado para funcionar como uma ponte para assegurar a transações financeiras e descentralizar o modo como os usuários transacionam diretamente online.

Demanda crescente de vários setores

Especialistas dizem que a demanda por peritos em Blockchain está vindo de todos os setores como o de serviços financeiros, varejistas, e ela está superando a oferta.

Michael Mainelli, que dá cursos de treinamento de Blockchain para executivos sêniores em sua consultoria Z/Yen diz:

"Este é mercado quente no momento porque a maioria das grandes corporações quer estar pronta a dizer que elas têm um time de Blockchain."

Junto com a inovação vêm os riscos de fraude e atividades criminosas. Em vez de ficarem confusos com tais desafios, muitas companhias agora veem a área com um enorme potencial de melhorar a eficiência dos processos existentes, desde como rastrear produtos alimentícios até processar transações financeiras.

De acordo com o vice presidente da IBM para tecnologias Blockchain Jerry Cuomo, o melhor engenheiro de Blockchain pode ganhar um salário acima de US$250.000.

"Este é um tempo no qual um consultor altamente talentoso ou engenheiro de software pode faturar alto. A demanda está excedendo a oferta, então, nós estamos vendo uma escassez. Está lá em cima com a nuvem e a inteligência artificial como uma área realmente quente."

"Esta tecnologia não é assim tão complicada.", ele adiciona . "Se você um programador que entende de critografia então é ainda mais simples."

Universidades oferecendo cursos de Blockchain

Não é a primeira vez que universidades estão oferecendo cursos ou certificados relacionados ao Blockchain, mas apenas recentemente universidades estáveis os estão oferecendo também. Isso reflete que o desenvolvimento deste campo e combina sistemas de uma base de dados compartilhada com criptografia.

Aggelos Kiayias, diretor de cibersegurança e privacidade, diretor do Blockchain Technology Laboratory na Universidade de Edimburgo diz:

"A tecnologia Blockchain é de desenvolvimento recente e sempre há um pequeno atraso que as academias devem correr atrás."

A Universidade de Edimburgo também planeja tornar-se uma das primeiras grandes universidades europeias a lançar um curso de Blockchain. Kiayias adiciona: 

"Você pode aprender uma quantidade de coisas incrível sobre segurança cibernética apenas estudando o Blockchain. Além de um livro-razão distruído, há outros benefícios em estudar a tecnologia, bem como aprender as competências necessárias para construir um Blockchain."

Universidades americanas

Nos EUA, universidades como a Universidade Stanford já lançaram cursos de Bitcoin e criptomoeda dois anos atrás. Enquanto a Universidade da Califórnia - Berkeley e o Instituto de Tecnologia de Massachussets oferecem cursos similares no assunto.

Há também tutoriais de internet, muitos dos quais estão disponíveis de graça.

Coursera, companhia de educação em tecnologia, juntou-se à universidade Princeton para oferecer um curso de 11 semanas sobre a tecnologia da criptomoeda.

Três anos atrás, um grupo de executivos experientes em criptomoeda fundou a BlockChain University na Califórnia que oferece um curso de 8 semanas para estudantes que paguem um depósito de US$100, reembolsáveis ao final do curso. 

Outra iniciativa educacional sobre Blockchain em Londres e Hamburgo é chamada B9lad que oferece um curso de 40 horas de Blockchain para executivos e analistas que custa €2.350 por um treinamento de nove semanas.

Trabalhos relacionados ao Blockchain também

Consequentemente, os trabalhos relacionados ao Blockchain têm aumentado nas últimas semanas. De fato, há mais de 1.000 vagas de trabalhos relacionados a Blockchain no LinkedIn os números de anúncios de Blockchain são de 40 por cento por trimestre.

Quase 10.000 pessoas no site listam Blockchain como uma habilidade, metade deles na indústria da tecnologia e um quarto no setor de serviços financeiros.

Na maioria, pessoas que listaram Blockchain como uma habilidade no site são baseados nos EUA, seguidos por Reino Unido, França, Índia, Alemanha e Países Baixos. Aparte disso, quase um quarto listou Bitcoin como sua habilidade, enquanto que 16% agregaram Python, que é uma linguagem de programação e 9% acrescentaram criptomoedas como sua habilidade.

O diretor para o Reino Unido do LinkedIn, Josh Graff, diz:

"Profissionais relacionas a áreas como criptografia e aprendizado de máquina podem querer tentar os postos disponíveis e as habilidades que eles precisam desenvolver, como há certamente uma demanda crescente dentro da tecnologia, finanças e indústria de seguros para o perito em Blockchain."


Siga-nos no Facebook