Escola de graduação da Força Aérea dos EUA lança cartilha "Blockchain para cadeia de suprimentos"

A escola de pós-graduação da Força Aérea dos EUA desenvolveu uma ferramenta educacional sobre o blockchain para gestão da cadeia de suprimentos, informou a revista de negócios Modern Materials Handling (MMH) no dia 3 de dezembro.

A mudança vem na forma de um aplicativo já lançado, juntamente com um conjunto de vídeos tutoriais para educar os profissionais de defesa, divulgados pelo Instituto de Tecnologia da Força Aérea dos EUA (AFIT).

O relatório propõe que o "blockchain revolucionará a infraestrutura [...] digital para futuras cadeias de suprimentos", o que sugere, em particular, pode se traduzir em "melhor visibilidade" para a "rede logística extremamente complexa" das forças armadas.

A AFIT afirma que as “oportunidades potenciais” da blockchain podem ser “enormes” - incluindo, mas não se limitando a, dar aos participantes da cadeia de suprimentos mais confiança nos registros digitais de seus produtos e evitar de forma eficiente a reutilização “inescrupulosa” de materiais abaixo do padrão. rastreando sua origem, produção e devido descarte.

Para projetar sua aplicação educacional, o Instituto trabalhou ao lado da SecureMarking, uma empresa privada de segurança da cadeia de suprimentos, bem como da Escola de Negócios Beacom da Universidade de Dakota do Sul, para criar um cenário de cadeias de fornecimento de várias camadas.

No cenário, um gerente do programa da Força Aérea emite tokens digitais para os fornecedores upstream, que são transferidos entre cada empresa participante ao longo do blockchain, paralelamente ao movimento físico dos produtos ao longo da cadeia de suprimentos.

A AFIT sugere que o aplicativo educacional tenha a intenção de encapsular as principais decisões que qualquer entidade enfrentará ao projetar um sistema blockchain, como se ele deve ser sem permissão ou privado, como projetar níveis de acesso específicos e se há necessidade de uma “estrutura de incentivo .

A AFIT não é a primeira entidade militar dos EUA a reconhecer a necessidade de uma iniciativa educacional de blockchain; no mês passado, a Agência de Projetos de Pesquisa Avançada de Defesa dos EUA (DARPA) anunciou que iria realizar um workshop de blockchain de dois dias em fevereiro, especificamente dedicado a protocolos de consenso distribuídos.