Dívida nacional dos Estados Unidos atinge US$ 23 trilhões - mais de US$ 1 milhão por Bitcoin

A dívida nacional dos Estados Unidos chegou a US$ 23 trilhões, segundo o website U.S Debt Clock.

Também é importante notar que a dívida por cidadão dos Estados Unidos é de US$ 69.724 e que a relação dívida/produto interno bruto é de 106,65%.

A chegada ao marco foi comentada em 1 de novembro pela personalidade entusiasta do Bitcoin no Twitter, Rhythm, que também disse que cada dólar da dívida nacional dos EUA é, na verdade, uma razão pra comprar Bitcoin (BTC). Outro usuário também fez uma abordagem interessante, dizendo:

“Isso dá uma dívida de mais de US$ 1.000.000 por Bitcoin.”

“Todo dinheiro fiduciário vai desaparecer”

O anfitrião do Keizer Report e o empresário de criptomoedas, Max Keiser, também disse que os bancos centrais estão contribuindo para o sucesso do Bitcoin em uma recente entrevista ao canal de notícias de tecnologia Hackernoon publicada em 1 de novembro. 

Por exemplo, com o impacto da política monetária de flexibilização flexibilização da Federal Reserve dos EUA no preço do Bitcoin:

"Ele chegou ao fundo quando o Fed sinalizou o 'Infinite QE' recentemente em cerca de US$ 3.300 BTC. O sistema bancário global está prestes a falir. [...] Todo dinheiro fiduciário vai morrer. ”

Como o Cointelegraph noticiou, os defensores do Bitcoin soaram o alarme, apontando que, desde meados de setembro, a Fed dos EUA efetivamente criou centenas de bilhões em dinheiro novo - mais do que todo o valor de mercado de US$ 165 bilhões do Bitcoin - em questão de dias.