Ministério social dos Emirados Árabes Unidos concede US$ 16 mil em concurso de blockchain

O Ministério de Desenvolvimento Comunitário (MOCD) dos Emirados Árabes Unidos sediará uma competição pelo desenvolvimento de softwares blockchain no setor social.

Liderando a blockchain para conhecimento e cuidado social

O MOCD anunciou a competição "Social Blockathon", com um fundo total de US $ 16.300, dedicada a incentivar o desenvolvimento de aplicativos baseados em blockchain para fins educacionais, sociais e recreativos, conforme informou a agência de notícias oficial do país, a Emirates News Agency, em 6 de outubro.

De acordo com a notícia, as inscrições para o concurso estão abertas até 20 de fevereiro de 2020, podendo participar do Blockathon programadores, designers gráficos e de interface, competindo para o desenvolvimento de software blockchain nas áreas de conscientização e assistência social. O concurso foi anunciado pelo MOCD durante a GITEX Technology Week, realizada no Dubai World Trade Center, de 6 a 10 de outubro.

De acordo com o texto, o MOCD recompensará os vencedores do concurso na moeda fiduciária dos Emirados Árabes Unidos, o dirham (AED), concedendo ao vencedor 30.000 AED (US$ 8.200), enquanto o segundo e terceiro lugares receberão 20.000 AED (US$ 5.400) e 10.000 AED (US$ 2.700), respectivamente. Os vencedores serão anunciados durante o Mês da Inovação dos EAU em fevereiro de 2020.

Na "Social Blockathon", os participantes serão desafiados a desenvolver aplicativos habilitados para blockchain dentro de um período limitado de tempo e não poderão usar softwares e aplicativos pré-projetados.

O MOCD é responsável pelo desenvolvimento, regulação e implementação de políticas sociais nos Emirados Árabes Unidos. Também supervisiona instituições de assistência social e estabelece certas políticas relacionadas ao casamento e outros aspectos da vida nos Emirados.

EAU aderindo à blockchain

O MOCD diz buscar melhorar o desenvolvimento social no país, esforçando-se por cumprir os objetivos da agenda nacional de desenvolvimento, a Emirates Vision 2021, que define os principais tópicos para o desenvolvimento social e econômico dos Emirados Árabes Unidos e pede uma mudança para uma política e economia diversificadas, baseadas em conhecimento. Em novembro de 2018, o ministério lançou uma prova de conceito baseada no blockchain ProximaX Sirius, em um movimento para começar a implementar iniciativas de blockchain.

Em setembro, o Ministério da Saúde e Prevenção dos Emirados Árabes Unidos lançou um sistema blockchain para registrar e compartilhar dados de saúde. No início deste ano, o Departamento de Terrenos de Dubai, a divisão imobiliária do Conselho Executivo de Dubai, fez uma parceria com o Mashreq Bank dos Emirados Árabes Unidos para lançar uma plataforma de hipoteca baseada em blockchain.