Justin Sun se defende de acusações de lavagem de dinheiro, preço do Tron despenca

O fundador e CEO da Tron, Justin Sun, negou as acusações de arrecadação ilegal de fundos, facilitação de transações de pornografia, jogos de azar e lavagem de dinheiro, em um post publicado na plataforma de mídias sociais chinesa Weibo, publicado em 23 de julho.

Mídia chinesa acusa fundador da Tron de lavagem de dinheiro

Hoje mais cedo, o portal chinês 21st Century Business Herald publicou um artigo em que fontes anônimas revelavam que Justin Sun ainda está em território chinês. O site também cita preocupação com transações ligadas a pornografia em suas mídias sociais de Peiwo, arrecadação de fundos e jogos de apostas.

A agência de notícias ainda sugere que Sun não pode deixar o país, e esta seria a razão pela qual ele teria decidido adiar o Warren Buffett Lunch e uma coletiva de imprensa para uma data não especificada. O portal pergunta retoricamente se a Sun será capaz de conhecer Buffett sem antes resolver estas preocupações mencionadas.

Em um tweet, a Sun disse que a razão pela qual ele decidiu reagendar a reunião é uma condição médica. No post do Weibo mencionado, Justin também aborda as acusações.

Sun nega envolvimento em práticas ilegais

De acordo com seu post, as acusações de arrecadação de fundos ilegais são falsas, já que - depois do governo chinês ter banido as ofertas iniciais de moedas em setembro de 2017 - a Tron Foundation devolveu os fundos em questão. Sun também defende que as acusações de lavagem de dinheiro não têm fundamento, já que a Tron Foundation tem base em Singapura, cumpre as regulamentações locais e não envolve serviços de entrada ou saída em moeda fiduciária.

Ele também observou que, a respeito da Peiwo supostamente ter facilitado transações ilegais relacionadas a pornografia, a empresa colabora com os reguladores, monitora os usuários e tenta garantir que o conteúdo seja positivo.

Sun também abordou mais amplamente as acusações de facilitação de atividades ilegais, apontando que a Tron é uma rede descentralizada de internet e que a sua fundação se opõe ao uso ilegal do protocolo. Finalmente, Sun declara:

“Nós compreendemos as preocupações sobre o desenvolvimento da tecnologia blockchain, e queremos nos manter abertos e comunicativos para promover o desenvolvimento da tecnologia blockchain na China.”

Preço do TRX cai mais de 15%

No momento, o preço do Tron (TRX) tem queda de mais de 16,58% nas últimas 24 horas, negociado ao redor de US$ 0,024, segundo os dados do Coin360.

Tron 1-Day Chart

Gráfico de 1 dia do Tron | Fonte: Coin360

Como o Cointelegraph publicou no mês passado, Sun já havia convidado figuras mais notáveis da indústria cripto para participar de seu almoço de US $ 4,6 milhões com Warren Buffett.