Think Tank diz que Banco Nacional da Suíça vai lançar token do franco suíço e abraçar a DLT

O banco nacional da Suíça deve trabalhar com grandes participantes do setor para desenvolver um token do franco suíço, de acordo com um relatório do think tank Avenir Suisse em 4 de junho.

O Avenir Suisse é um think tank privado independente, com um alegado orçamento anual de 5 milhões de francos suíços (US$ 5 milhões).

Apesar das oportunidades que a tecnologia de ledger distribuída (DLT) está criando na indústria financeira do país - especialmente no que tange às finanças comerciais, gestão de ativos e mercados de capital - os pesquisadores argumentam que o debate em torno da digitalização está muito focado nos riscos.

O relatório da Avenir Suisse afirma que se a Suíça se tornasse um participante dominante na negociação de títulos tokenizados, seu mercado de capitais relativamente pequeno poderia se expandir e atrair mais players nacionais e internacionais. Além disso, afirma que os gestores de patrimônio teriam a chance de “explorar novos modelos de negócios e segmentos de clientes”.

Em um desafio ao centro financeiro da nação, os autores acrescentam:

“Fundamentos úteis já foram lançados nessas áreas na Suíça. Mas o tempo dos pioneiros acabou: a Suíça agora tem que dar o próximo passo no desenvolvimento da DLT, transformando-se do muito alardeado 'Crypto Valley' em uma nação DLT plena."

Outras recomendações feitas pelo relatório da Avenir Suisse incluem “encontrar um equilíbrio entre segurança jurídica e regulamentação enxuta” e adaptar a lei para que ela seja compatível com a DLT o mais rápido possível. Também há pedidos para manter o mercado de trabalho da Suíça o mais aberto possível para trabalhadores estrangeiros, à medida que a competição por altos talentos aumenta.

Desde o início de 2019, as empresas relacionadas a blockchaincripto puderam solicitar licenças “FinTech” da Autoridade de Supervisão do Mercado Financeiro Suíço (FINMA).

No final do mês passado, a SIX, uma importante bolsa de valores suíça, confirmou ao Cointelegraph que está desenvolvendo uma stablecoin atrelada ao franco suíço.