O fornecedor de banco de dados escalável Blockchain de Cingapura Bluzelle, anunciou que aumentou US$ 1,5 milhão em uma rodada de financiamento da série A.

Continuando uma trilha de crescimento bem sucedido saindo da arena Blockchain local, a Bluzelle já conta com a KPMG e a Microsoft como parceiros formados originalmente em 2014.

"Até 2020, haverá mais de 20 bilhões de dispositivos enviando dados um para o outro - e esses dados terão de ser armazenados de forma segura, com alto desempenho e baixo custo", afirmou o presidente-executivo, Pavel Bains, em um comunicado de imprensa que acompanha hoje.

"Na Nova Internet impulsionada pelo Blockchain, tudo de aplicativos para plataformas back-end para armazenamento de dados será descentralizado".

Ele acrescentou que a Bluzelle pretende fazer para esta "Nova Internet", o que a Oracle faz para a Internet atual".

A notícia vem em conjunto com os planos concretos para uma ICO em outubro, aumentando ainda mais a liquidez da empresa, atribuindo valor aos seus tokens Bluzelle. Estes formarão uma parte central do ecossistema para a sua "rede de banco de dados descentralizada" proposta.

"Com base em nossa atividade de investimento global, a Bluzelle é uma das únicas empresas a fornecer serviços sólidos de Blockchain corporativos", acrescentou Yasuhiko Yurimoto, CEO de um dos patrocinadores da Série A, Global Brain.

Outros contribuidores para a rodada de financiamento foram a LUN Partners Capital e a True Global Ventures.


Siga-nos no Facebook