Rússia trava a estreia de casa de câmbio frente à regulação anti

A Rússia prometeu que as leis de regulação de criptomoedas estarão prontas até o final do ano, já que o chefe do banco central a chama de "corrida do ouro".

Falando no Fórum Financeiro de Moscou, Elvira Nabiullina disse a jornalistas que os chamados "substitutos do dinheiro" não seriam usados nas casas de câmbio russas.

"O uso de criptomoedas como subsídio de dinheiro está se apresentando ativamente para pagamentos de bens e serviços", disse ela citada pela TASS.

"Em nossa opinião, isso equivale a arriscar a disrupção da circulação de dinheiro e, claro, não vamos permitir o uso de criptomoedas como substituto do dinheiro".

Declarações conflitantes

Os comentários de Nabiullina fazem um contraste com as declarações do mês passado do vice-ministro das finanças, Alexey Moiseev, que disse que os planos estavam em andamento para permitir apenas o acesso dos "investidores autorizados" às criptomoedas, especificamente através da Bolsa de Valores de Moscou.

A Rússia usou há muito tempo o termo "substituto do dinheiro" para se referir ao Bitcoin e outras moedas virtuais e continua a apresentar abordagens contraditórias sobre a forma como irá regular ou controlar o seu uso doméstico.

Na sequência de Nabiullina, o ministro das finanças, Anton Siluanov, disse ao canal de televisão Rossiya 1, em uma entrevista, que o regulamento era "essencial" para os "investidores enganadores" que ganhavam e lucravam com este "instrumento de financiamento altamente volátil".

"O ministério preparará o pacote de leis até o final do ano", confirmou.

Vladislav Obushinsky, Gerente de Projetos do Instituto de Desenvolvimento de Internet da Russian Blockchain and Cryptocurrency Association (RABIK), acredita que este ano a opção de regulação constante não será aceita porque haverá uma versão intermediária de uma lei.

Ele diz à Cointelegraph:

"Ao expressar os interesses da criptoindústria, nomeadamente os criptoinvestidores e os proprietários da criptomoedas, a RABIK faz lobby para um cenário liberal de regulação de criptomoedas, o que significa maior flexibilidade na disseminação e gerenciamento destas últimas. É por isso que fazer uma lei com pressa, sem levar em conta aqueles que serão afetados por ela, é, com certeza, precipitado".