Ripple transfere 500 milhões de XRP de sua carteira de custódia

A Ripple transferiu 500 milhões de tokens XRP de sua carteira de custódia, de acordo com dados do Whale Alert, um rastreador ao vivo para transações de criptomoeda, em 3 de setembro.

A empresa de São Francisco transferiu 500 milhões de seus tokens XRP nativos (cerca de US $ 130,1 milhões no momento da publicação) de sua carteira de custódia para a empresa Ripple. A transferência de tokens mais recente é uma entre muitas outras transações enormes de e para o Ripple, que geraram ressentimento na comunidade, já que alguns de seus membros acusam a empresa de despejar tokens XRP e fazer seu preço despencar.

Indignação dentro da comunidade

No final de agosto, o usuário do Twitter @CryptoBitlord iniciou uma petição no change.org intitulada "Stop Ripple dumping", que desde então garantiu 3.063 assinaturas das 10.000 necessárias. “A única explicação lógica é que o Ripple está despejando as moedas e nos prejudicando. E não são pequenas quantidades também. São iteralmente bilhões ”, escreveu o autor da petição.

O preço do XRP tem diminuído constantemente nos últimos meses, embora os relatórios trimestrais de 2019 da Ripple tenham revelado um aumento nas vendas de XRP. No segundo trimestre, a empresa vendeu US $ 251,51 milhões em XRP, o que marcou um crescimento de aproximadamente 48% entre os trimestres, enquanto no terceiro trimestre a empresa vendeu US $ 163,33 milhões em XRP.

Preço em queda a despeito das novas parceiras

Referindo-se ao XRP, o CryptoBitlord também observou na petição que "um novo banco ou parceria anunciada, mas ainda assim continua o dump (despejo) das moedas". Somente em agosto, o PNC - o oitavo maior banco dos Estados Unidos, com quase US $ 400 bilhões em ativos - tornou-se o primeiro do país a começar a usar a rede blockchain da RippleNet para pagamentos internacionais.

O serviço de transferência de dinheiro Xendpay também se juntou à rede global RippleNet da Ripple para oferecer suporte a transações internacionais. A holding sul-coreana SK C&C divulgou planos para uma plataforma de doação baseada em um fork do blockchain da Ripple.