'Ripple também pode queimar metade da oferta de XRP', afirma CTO da Stellar

O CTO do projeto Stellar e cofundador da Stellar Development Foundation, Jed McCaleb, afirmou no Twitter que a Ripple também pode queimar metade da oferta de tokens XRP disponível no mercado.

A afirmação de McCaleb foi uma resposta a um tweet do CTO da Ripple, David Schwartz, que declarava que a empresa não tinha controle para destruir metade da oferta de XRP do mercado.

A discussão entre os dois CTOs causou alvoroço na comunidade de criptomoedas, já que a Stellar é conhecida como a versão descentralizada da Ripple.

Recentemente, a Stellar Development Foundation (SDF) decidiu queimar metade do suprimento de tokens de sua criptomoeda, o XLM. A fundação reduziu o suprimento de 105 bilhões de XLM para cerca de 50 bilhões de XLM. 

Isso levou David Schwartz a postar um tweet dizendo que a Ripple não pode queimar o XRP, pois a criptomoeda é totalmente descentralizada.

A declaração de David não foi bem recebida pelo cofundador da Stellar que respondeu dizendo que, se quisesse, a Ripple Labs também poderia queimar metade do suprimento de XRP, desmentindo que a empresa não teria capacidade para alterar o fornecimento total de XRP.

Em resposta, o CTO da Ripple tentou suavizar a discussão, concordando parcialmente que o Ripple poderia queimar parte dos XRP. 

No entanto, Schwartz acrescentou que a Ripple estava mais interessada em aumentar a liquidez do XRP e promover a adoção em vez de queimar as moedas buscando aumentar seu valor.

O CTO da Ripple não foi a única pessoa a criticar a Stellar Development Foundation por queimar metade do suprimento de seus tokens.

Como mostrou o Cointelegraph, Charlie Lee, da Litecoin, disse que a Stellar fez uma jogada arriscada ao destruir metade das XLM e tornou a rede mais centralizada.