Carrefour aplica blockchain para rastrear cadeia de suprimento de produtos de leite

O gigante de varejo francês Carrefour continuou o desenvolvimento da blockchain aplicando a tecnologia para rastrear o leite, de acordo com um comunicado de imprensa publicado em 1º de março.

Desde março, a gigante do varejo está gradualmente lançando seu novo produto que é impulsionada por blockchain, a Carrefour Quality Line (CQL) que rastreia o leite de alto teor de gordura microfiltrado. A CQL é apresentada para garantir aos consumidores uma rastreabilidade completa do produto em toda a cadeia de suprimentos - da fazenda às prateleiras das lojas.

Com a CQL, os consumidores poderão ver as coordenadas de GPS dos produtores de leite cujos animais forneceram o leite, ter informações sobre quando o leite foi coletado e embalado, bem como descobrir os vários envolvidos na linha de produção.

O novo produto do Carrefour seguiu uma série de implementações anteriores de blockchain por parte do maior varejista global de alimentos. Em novembro de 2018, o Carrefour lançou uma solução de rastreamento de alimentos apoiada pelo Hyperledger para rastrear galinhas caipiras com a marca “Calidad y Origen” na Espanha.

Anteriormente, a gigante do varejo havia se juntado à rede de rastreamento de alimentos blockchain da IBM chamada Foot Trust, após grandes produtores de alimentos, como Nestlé, Dole Food, Golden State Foods e outros.

No final de 2018, outro grupo varejista francês, o Auchan, expandiu a solução FoodChain da TE-FOOD para mais cinco países depois de um teste de 18 meses da ferramenta blockchain da TE-FOOD no Vietnã. O produto blockchain, que permite o monitoramento do sistema de varejo para rastreamento de categorias de produtos selecionados, tornou-se disponível na França, Itália, Espanha, Portugal e Senegal.