Relatório: o aplicativo Cash da Square testa um novo recurso de negociação de ações

O aplicativo de pagamento compatível com criptomoedas da Square, Cash App, está testando um novo recurso que permite aos clientes comprar e vender ações.

Expansão do Cash App

Citando uma fonte familiarizada com o assunto, a Bloomberg informou em 12 de setembro que os funcionários da startup de São Francisco começaram a testar o novo recurso nas últimas semanas. Uma vez lançado, permitirá que os usuários do Cash App negociem ações gratuitamente.

A Square ainda não determinou a data exata do lançamento da nova opção.

Cash App e cripto

A Square disponibilizou depósitos em Bitcoin (BTC) no final de junho. Na época, os depósitos eram limitados a US$ 10.000 em Bitcoin dentro de um período de sete dias, ainda assim, as transferências podiam levar várias horas para serem confirmadas no blockchain.

Em julho, a Cash App anunciou um limite de até de US$ 50.000 em BTC após o contínuo crescimento do preço das ações. Na época, as ações da Square subiram cerca de 56% em 2019, tendo começado o ano em US$ 57,2 e, posteriormente, negociadas a US$ 81,8, segundo dados do MarketWatch. O Bitcoin, por outro lado, aumentou seu valor em cerca de 157% no mesmo período.

Jack Dorsey e as criptomoedas

Também neste verão, o fundador da Square, Jack Dorsey - que também é o criador do gigante da mídia social Twitter - estava montando uma equipe dedicada a melhorar a infraestrutura de criptomoedas em geral. Naquela época, Dorsey também comentou as vantagens do Square, dizendo:

“Apenas da perspectiva dos negócios, nos dias de hoje, não parecemos uma empresa de Internet. Uma empresa de Internet pode lançar algo hoje e no mesmo dia está disponível em todo o mundo. Considerando que, com os pagamentos, devemos ir a cada mercado e prestar atenção a legislação. Você precisa de uma parceria com um banco local. Este é um processo muito lento em qualquer novo mercado.”